Policial

Preso um dos suspeitos de integrar grupo de assalto a banco

Gilklebio Dantas da Rocha, de 22 anos, foi surpreendido na manhã desta sexta-feira (29) portando uma pistola calibre 9 mm.




Preso um dos suspeitos de fazer parte de uma quadrilha que estava com materiais que seriam usados para assaltar bancos na região do brejo paraibano. De acordo com a Polícia Militar, Gilklebio Dantas da Rocha, de 22 anos, natural de Currais Novos, no Rio Grande do Norte, foi surpreendido na manhã desta sexta-feira (29) portando uma pistola calibre 9 mm, da marca Jericó, arma de uso resistirão e de fabricação Israelense.

O suspeito estava com mais quatro homens em uma camionete que foi apreendida pela polícia na quinta-feira (28), em Araçagi, região metropolitana de Guarabira. Dentro do veículo contia mais de 10 coletes, farta munição de calibre 12, 9mm e 44, além de 6 bananas de dinamite, roupas camufladas, dentre e outros materiais.

A Polícia suspeita que todo material seria usado para praticar explosões à bancos. Ele e os outros suspeitos, ao perceber a ação dos policiais abandonaram o carro e fugiram em direção a um matagal.

O delegado Walber Virgolino afirmou que a quadrilha havia participado de três explosões bancárias no estado do Rio Grande do Norte. Sendo elas na madrugada da segunda-feira (25), na cidade de Sitio Novo, na madrugada da terça-feira (26) na cidade de Espírito Santo, e na madrugada da quarta-feira (27) em Monte Alegre.

As primeiras informações davam conta de seis homens na camionete, mas, após a prisão do suspeito na manhã desta sexta, foi confirmado a presença de cinco homens no carro

Walber Virgolino ainda disse que a polícia já identificou todos da quadrilha, mas, para não atrapalhar as ações da prisão, informou só os primeiros nomes dos suspeitos. São eles: Jandui, Juarez, David, que é da cidade de Campina Grande, e um conhecido como ‘Mago’.

O Delegado ressaltou que as ações da polícia continuam na região de Araçagi, visando capturar os outros quatro foragidos. 

Relembre o caso

De acordo com o delegado Walber Virgolino, por volta das 12h30 da quinta-feira (28), uma equipe da delegacia da Araçagi, região metropolitana de Guarabira, promovia diligências na Zona Rural da cidade, quando recebeu a informação de que havia uma camionete modelo Nissan Frontier de cor branca com seis homens em "atitude suspeita".

Ainda conforme o delegado, os homens da guarnição entraram em contato com a Polícia Militar que seguiu o veiculo. Ao perceberem que estavam sendo segudidos, eles abandonaram o veículo e fugiram em direção a um um matagal. No carro, a polícia apreendeu os materiais, que, segundo a polícia seriam usados para explosões a bancos na região. .

No começo da tarde de terça, mais de 80 policiais civis e militares cercaram a área, com o apoio do helicóptero Acauã, da segurança pública, em busca da quadrilha.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.