Policial

Preso mais um suspeito de integrar quadrilha de homicidas

"Douglinhas" é o quinto a ser preso acusado de integrar a quadrilha que atuava na grande João Pessoa.




Da Redação

Gilberto Douglas Ramos Leôncio, o “Douglinhas” de 18 anos, foi preso nesta quarta-feira (13). Ele é acusado de integrar uma quadrilha que praticava homicídios e tráfico de drogas na grande João Pessoa.

De acordo com a delegada da 9ª Delegacia Distrital, Gilberto estaria envolvido na morte do autônomo João Alisson da Silva Campos, de 26 anos, no último dia 6 de agosto, no bairro da Torre.

A vítima foi atingida por sete disparos de arma de fogo na cabeça, costas, abdômen e tórax. João Alisson não resistiu e morreu na hora.

Quadrilha – No último domingo (10), a polícia começou a desbaratar a quadrilha prendendo Mateus Wagner Felismino da Silva, de 20 anos, Lucas Santos Silva, o “Luquinha”, de 19 anos, Cleiton Soares Vital da Silva, o “Belfort”, de 20 anos, e José Gilberto Ferreira da Silva, o “Gil”, de 23 anos.

Assim como Gilberto, eles foram encontrados na Comunidade São Rafael no bairro do Castelo Branco e são acusados de homicídio, formação de quadrilha, assalto e tráfico de drogas. De acordo com a delegada da 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira, todos os acusados já respondiam pelos crimes em liberdade provisória.

A polícia está divulgando o retrato dos suspeitos e pede para que as vítimas compareçam na 9ª DD para reconhecimento.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.