Policial

PF apreende 300 comprimidos de ecstasy em Campina

A droga estava em poder de um tatuador, que foi preso no momento em que buscava a droga, que seria vendida em festas da cidade.




Pelo menos 300 comprimidos de ecstasy foram apreendidos pela Polícia Federal com um tatuador em Campina Grande nesta segunda-feira (26). De acordo com informações policiais, a droga chegou pelo correio.

A polícia já vinha investigando a venda de drogas pelo correio. O tatuador foi preso no momento em que buscava a droga, que não teve a origem revelada. Segundo a polícia, ele é suspeito de vender o ecstasy em festas, raves e shows na cidade.

O tatuador foi levado para a Delegacia da Polícia Federal em Campina Grande para ser ouvido e em seguida será levado para a Penitenciária Regional Raimundo Asfora, o presídio do Serrotão, em Campina Grande.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.