Policial

Ônibus é assaltado no bairro do Santo Antônio em Campina Grande

De acordo com a Polícia Militar (PM), o caso foi registrado na noite do domingo (22) e os suspeitos conseguiram fugir.  




Um ônibus foi invadido por três homens armados que roubaram celulares, dinheiro e outros objetos pessoais do motorista e dos passageiros que estavam no veículo. O caso foi registrado no bairro do Santo Antônio, em Campina Grande, e traduz o cenário de vulnerabilidade ao qual as pessoas que utilizam o transporte coletivo estão diariamente suscetíveis na cidade. De acordo com a Polícia Militar (PM), o caso foi registrado na noite do domingo (22) e os suspeitos conseguiram fugir.   
 
O motorista do ônibus contou à polícia que por volta das 21h30 foi abordado pelos suspeitos quando estava passando pela rua Santo Antônio. O trio invadiu o ônibus e roubou alguns pertences dele, como também dos passageiros. Ainda conforme o relato do  motorista, um dos suspeitos aparentava ser menor de idade, mas por conta do nervosismo ele não conseguiu prestar atenção em outras características dos assaltantes. 
 
Segundo a Polícia Militar, o trio fugiu em direção ao bairro do José Pinheiro e até essa matéria ser publicada não havia informações de que alguém tivesse sido detido por envolvimento com esse crime. A Polícia Militar afirma estar realizando rondas diariamente nas regiões onde se verifica uma maior incidência desse tipo de crime e seguindo os ônibus durante o trajeto para reprimir esse tipo de ação. 
 
Para se ter uma ideia, de janeiro a abril desse ano já foram registradas 27 ocorrências de roubos a ônibus em Campina Grande, segundo um levantamento feito pelo JORNAL DA PARAÍBA com base nos dados do Centro Integrado de Operações Políciais (Ciop). Ainda de acordo com o levantamento, esse número corresponde a um aumente de 93% dos roubos  a ônibus contabilizados no mesmo período do ano passado. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.