Policial

Guarda Municipal prepara retirada de famílias que invadiram condomínio

Moradores de Mangabeira estão assutados com a presença da Polícia Militar e da Guarda Municipal, que organizam uma segunda tentativa de desocupação do condomínio.




Da Redação

Homens da Guarda Municipal de João Pessoa e da Polícia Militar estão reunidos na manhã desta sexta-feira (18) na Praça do Coqueiral, em Mangabeira, organizando uma nova operação a fim de despejar famílias que ocuparam irregularmente 48 apartamentos em construção do Condomínio Mangabeira, do Programa Habitar Brasil.

As famílias têm até as 10h15 para liberar o prédio e o Conselho Tutelar de Mangabeira está no local retirando as crianças. As primeiras informações foram passadas por moradores do bairro de Mangabeira que ligaram para a redação do Paraíba 1 assustados com a presença de vários carros da Polícia Militar, diversos agentes da Guarda Municipal e ainda alguns agentes da Polícia Civil.

A ocupação do Condomínio Mangabeira aconteceu no último dia 9, no período da noite, quando já não havia mais nenhum operário trabalhando na obra. A PM e a Guarda Municipal estiveram no prédio dois dias após a invasão para tentar desocupá-lo mas, após manifestações, as 100 pessoas que tomaram a área permaneceram nos apartamentos.

Um dia após a invasão, a Construtora Econ Empreendimentos e Construções, responsável pela obra, entrou com uma ação de reintegração de posse para reaver a área. O empreendimento invadido está orçado em R$1.015.480,98. Os apartamentos do Programa Habitar Brasil são fruto de uma parceria do Governo Federal e da Prefeitura de João Pessoa, e já têm demanda cadastrada para ocupação.

Atualizado às 9h30.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.