Policial

Filho de sargento da PM é assassinado; noite tem dois homicídios

É o segundo filho de sargento assassinado neste mês de agosto na região metropolitana de João Pessoa. Também foi registrado homicídio no bairro São José.




Da Redação

O filho de um sargento da Polícia Militar de Bayeux foi assassinado na madrugada desta segunda-feira (15) quando chegava à sua casa no Centro do município. Ronaldo Rodrigues de Melo Júnior, de 25 anos, foi abordado pelos atiradores assim que saiu de um clube acompanhado pela namorada, por volta da 1h30.

Segundo a 5ª Delegacia Distrital, quatro homens já esperavam o jovem em duas motos nas proximidades da casa dele. O grupo disparou vários tiros contra Ronaldo e fugiu nas motos. O rapaz ainda foi levado para o Hospital de Trauma de João Pessoa. Ele chegou à 1h50 e recebeu os procedimentos de socorro, mas morreu por volta das 2h.

Ronaldo Júnior era filho do sargento Ronaldo, mais conhecido na corporação como sargento ‘Piaba’. O motivo da execução não foi revelado. Os atiradores também não foram identificados.

Este é o segundo filho de sargento da PM assassinado na região metropolitana de João Pessoa no mês de agosto. A primeira vítima foi Ralphey da Silva Tavares, de 17 anos, filho do sargento Toscano. Ele foi assassinado a tiros no bairro Jardim Esplanada, na Capital.

Crime no São José

Além do caso de Ronaldo Júnior, a Polícia Civil registrou outro homicídio na Grande João Pessoa. De acordo com a Delegacia de Homicídios, Djair Vagner Costa Cardoso, de 23 anos, estava em uma motocicleta quando foi executado a tiros no bairro São José, por volta das 23h30 do domingo.

A polícia foi chamada por moradores que escutaram os tiros. Apesar do socorro ter sido acionado, Djair morreu no local. Os motivos do crime ainda não foram divulgados. Nenhum suspeito de envolvimento foi preso.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.