Policial

Entidade filantrópica é arrombada

Casa da Criança Dr. João Moura em Campina Grande foi arrombada por assaltantes; bandidos levaram equipamentos eletrônicos da creche.




Apenas quatro dias após o arrombamento de uma creche no bairro do São José, em Campina Grande, uma entidade filantrópica que cuida de crianças foi também alvo de bandidos. Chegando ao local na manhã de ontem, voluntários da Casa da Criança Dr. João Moura, localizada na rua de mesmo nome, perceberam que vários objetos foram levados.

A Polícia Militar foi acionada, mas não houve prisões. Foram levados um aparelho de DVD, um aparelho e caixas de som, utilizados na recreação das 183 crianças que passam o dia sob cuidados da instituição. Uma televisão foi arrancada do suporte e acabou sendo danificada, mas não foi levada. De acordo com uma funcionária, a casa existe desde 1954 e este foi o primeiro roubo ao local nos últimos 25 anos.

Segundo o comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, a polícia acredita que uma construção abandonada foi utilizada para entrar no local. “Nosso serviço de inteligência esteve no local e está levantando as informações, ainda estamos apurando o caso”, assegurou o tenente-coronel Souza Neto.

“São meninos e meninas carentes de vários bairros que os pais deixam aqui para poderem ir trabalhar. Em geral são catadores, diaristas e domésticas. Agora estamos com medo de trabalhar e as mães com medo de deixar as crianças”, disse a secretária Maria Betânia de Souza.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.