Policial

Criança de 12 anos morre afogada em parque aquático na PB

Caso aconteceu na tarde desta sexta (9) no município do Conde. Segundo testemunhas, corpo do menino foi encontrado por um bombeiro civil em um toboágua. 




Uma criança de 12 anos morreu afogada na tarde desta sexta-feira (9) em um parque aquático no município do Conde, na Região Metropolitana de João Pessoa. De acordo com informações da TV Cabo Branco, o menino estava em uma excursão escolar que vinha da cidade de Pitimbu. Os pais das crianças também participavam do passeio.

Em entrevistas, testemunhas afirmaram que o menino foi visto pela última vez na fila de um toboágua. Ao perceberem a ausência da criança, os pais começaram a procurá-lo pelo parque e acionaram um bombeiro civil que trabalha no local. Após buscas, o bombeiro encontrou a criança afogada dentro de uma das piscinas, embaixo do toboágua onde ele fora visto.

A família da criança alegou que o parque não disponibiliza salva-vidas na beiras das piscinas e que a morte da criança foi causada por negligência do local. O dono do parque não estava no estabelecimento no momento e não foi encontrado; os funcionários não quiseram gravar entrevista, mas contestaram os familiares afirmando que o bombeiro civil realiza o trabalho de salva-vidas.

O bombeiro que encontrou o corpo da vítima afirmou que não tinha percebido o afogamento do menino até ser alertado de seu desaparecimento. O Corpo de Bombeiros afirmou que não recebeu nenhuma chamada proveniente do parque.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.