Policial

Agricultor reage à prisão e acaba morto

Caso ocorreu após a polícia ser acionada em uma ocorrência de tentativa de homicídio.




Um agricultor morreu após ser alvejado com um tiro na perna, disparado por um policial militar. O caso ocorreu em Santana dos Garrotes, no Sertão paraibano. Na noite de quarta-feira, o agricultor Adailton Cirino, 39 anos, teria tentado atacar com uma faca o cabo Torres, que reagiu atirando na vítima. Foi instaurado inquérito para apurar a responsabilidade do policial militar. Ele prestou depoimento e depois foi liberado.

O caso ocorreu após a polícia ser acionada em uma ocorrência de tentativa de homicídio. Segundo relatório do 13º Batalhão de Polícia Militar de Itaporanga, Adailton teria tentado matar com golpes de facão o próprio sogro, Antônio Guilherme da Silva, 48.

Ele foi socorrido para o hospital de Piancó, com cortes superficiais, e seu estado de saúde é regular.

Ao tentar desarmar o agricultor, ele teria resistido à prisão.

Segundo relatou o cabo Torres à delegada Ivanize Fonseca, a vítima avançou contra a polícia. “O policial informou que o rapaz partiu para cima dele. Ele atirou para reagir, atingindo apenas a perna, mas a vítima não resistiu”, informou.

O agricultor morreu a caminho do Hospital de Trauma de Campina Grande. A conduta do PM será investigada. “Instauramos inquérito para apurar o caso”, concluiu a delegada.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.