Notícias

Trio é preso suspeito de assaltar loja e fazer funcionários reféns, em Campina Grande

Homens são de João Pessoa e dois deles já têm passagem pela polícia.




Três homens foram presos após tentarem assaltar a loja de uma operadora de celular na manhã desta quarta-feira (12), na Avenida Floriano Peixoto, em Campina Grande. De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos fizeram reféns dentro do estabelecimento e depois se entregaram.

Segundo as informações do comandante do 10° Batalhão de Polícia Militar, Francimar Vieira Lins, três homens entraram armados na loja e anunciaram o assalto. Uma testemunha que passava pela rua percebeu a movimentação e acionou a polícia.

Os suspeitos, que estavam vestindo coletes da Polícia Civil no momento em que entraram na loja, fizeram reféns dentro do estabelecimento, mas, depois da chegada da PM, foram até a sacada do prédio e se entregaram, jogando as armas do primeiro andar em sinal de rendição.

OsHUm dos suspeitos cumpria pena em regime semiaberto. Além disso, um dos suspeitos trabalhava como vigilante na capital. A polícia suspeita de que os coletes da Polícia Civil tenham sido conseguidos pelo vigilante.

Com os suspeitos foi apreendida uma quantia de R$ 17.600, um celular de um cliente que estava na loja no momento do crime e três armas de fogo. Os homens foram encaminhados para a Central de Polícia Civil de Campina Grande.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.