Notícias

Médico recomenda acompanhamento desde primeiros e mais leves sintomas da Covid-19

Covid-19 é também uma doença inflamatória sistêmica, ressalta Fernando Chagas.




João Pessoa passa a oferecer testes de Covid-19 em duas escolas municipais

Foto: PMJP

O acompanhamento médico agora é recomendado desde os primeiros e mais leves sintomas da Covid-19. O médico infectologista Fernandas Chagas explicou que, com o tempo, foi possível entender que a Covid -19 não se tratava apenas de uma doença respiratória, mas também de uma doença inflamatória sistêmica. A partir disso, segundo o médico, houve uma mudança em relação às orientações.

“A questão é: buscar um acompanhamento no começo da doença. Primeiro temos que ver a questão dos sintomas, se o que o paciente estiver sentindo sejam sintomas que estão o prejudicando, como uma dor de cabeça intensa, dor muscular, com presença de febre, ele deve sim procurar o acompanhamento médico”, explicou.

De acordo com o médico, esse acompanhamento é importante para, primeiramente, ser realizada a checagem de como está o oxigênio no sangue do paciente.

“Também é importante para saber se há necessidade de um exame laboratorial e por fim, dos exames de imagens, como raio-x e tomografia”, disse.

O especialista explicou que, no caso da Covid-19, a pessoa pode ter menos oxigênio no sangue e não ter sintomas aparentes, o que configura a hipóxia silenciosa.

“O cansaço e a dispneia podem não acontecer mesmo com a baixa oxigenação no sangue. Por isso, é importante monitorar esse nível de saturação”, disse Chagas.

O médico também alertou: um nível abaixo de 94% de oxigenação no sangue já é configurada a hipóxia, que significa a pouca oxigenação no sangue.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.