Notícias

Homem morre ao cair de prédio de 27 metros de altura enquanto trabalhava, em João Pessoa

Ele estava fazendo o reparo de uma caixa d’água do prédio comercial, quando foi atingido acidentalmente pela máquina e caiu.




Foto: Felícia Arbex/TV Cabo Branco

Um trabalhador de 43 anos morreu, na manhã desta quarta-feira (12), ao cair de um prédio comercial de 7 andares, em João Pessoa. Josinaldo de Souza trabalhava no reparo de uma caixa d’água, que fica a 27 metros de altura, há 1 mês,. Enquanto ele estava abrindo uma rosca em um cano, uma máquina acabou batendo nele e ele caiu.

JORNAL DA PARAÍBA tentou contato com os responsáveis pela empresa contratante da vítima, para buscar informações sobre fiscalização do uso de EPI e gerenciamento desses serviços, mas não obteve respostas até a publicação desta matéria.

Durante entrevista ao JPB1, a delegada Lídia Veloso contou que o trabalhador não estava utilizando equipamento de proteção e segurança, como cinto acoplado a uma superfície segura, nem capacete e fivela presa ao corpo. Segundo Lídia, esses Equipamentos de Proteção Individual (EPI) evitariam o acidente.

Os colegas de trabalho entraram em contato com o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), mas, quando a ambulância chegou ao local, Josinaldo já estava morto. Eles também disseram que a vítima sempre utilizou cinto de segurança, mas decidiu não usar hoje.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.