Notícias

Com rede em colapso, Paraíba chega a quase 228 mil casos e tem 4,6 mil mortes pela covid-19

Ocupação total de leitos de UTI em todo o estado é de 81%.




Foto: Anton Vaganov/File Photo/Reuters

Com hospitais a beira do colapso, a Paraíba mantém o registro contínuo e crescente do número de casos de contaminados e mortos pela covid-19. Conforma balanço divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) neste sábado (6), um total de 1.440 novos casos de Covid- 19 e mais 24 novos óbitos em decorrência do novo coronavírus. Assim, o estado passa a contabilizar 227.976 casos confirmados de contaminação e de 4.656 mortes em decorrência da covid-19.

Dentre os novos casos confirmados, 92 (6,4%) são casos de pacientes hospitalizados e 1.348 (93,6%) são leves. Em relação aos 24 óbitos, 20 deles ocorreram nas últimas 24h. Os óbitos ocorreram entre os dias 02 e 06 de março de 2021, sendo seis deles em hospitais privados e os demais em hospitais públicos.

Até este sábado, 206 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. Os 24 óbitos confirmados neste boletim ocorreram entre residentes dos municípios de Areia (1), Bayeux (1), Belém (1), Caaporã (1), Cabedelo (1), Cajazeiras (1), Campina Grande (2), João Pessoa (10), Mamanguape (2), Patos (1), Santa Terezinha (1), São José de Espinharas (1) e Taperoá (1). As vítimas são 13 homens e 11 mulheres, com idades entre 29 e 95 anos. Hipertensão foi a comorbidade mais frequente e oito (08) não tinham comorbidades.

 

Concentração de casos

 

Cinco municípios concentram 846 novos casos, o que corresponde a 58,8% dos casos registrados neste sábado. São eles: João Pessoa, com 541 novos casos, totalizando 60.968; Campina Grande, com 145 novos casos, totalizando 21.043; Cajazeiras, com 58 novos casos, totalizando 4.996; Sousa, com 56 novos casos, totalizando 5198; Patos, com 46 novos casos, totalizando 8.961.

O ponto positivo é que 165.016 pacientes estão recuperados da doença.

 

Ocupação de leitos Covid-19

 

Mesmo com todos os esforços de autoridades estaduais e municipais para abrir leitos, a fatura da aglomeração carnavalesca, das festas clandestinas, do verão e da desobediência civil chegou. A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 81%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 94%. Na rede privada a situação também não é diferente. Os hospitais privados da capital chegaram ao limite.

Em Campina Grande estão ocupados 74% dos leitos de UTI adulto e no sertão 94% dos leitos de UTI para adultos. De acordo com o Centro estadual de regulação hospitalar, 71 pacientes foram internados nas últimas 24h.

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.