Mundo

Rede de prostituição brasileira é desmantelada na Espanha

O grupo ajudava as prostitutas a regularizar sua situação como turistas. Agentes apreenderam falsificações e detiveram 84 pessoas.




Do G1

Um total de 84 pessoas foram presas na Espanha acusadas de ajudar prostitutas, principalmente originárias do Brasil, a entrar no país com documentação falsa, informou a polícia em um comunicado.

O grupo, basicamente integrado por brasileiros, auxiliava suas compatriotas a regularizar sua situação na Espanha como turistas, por valores que variavam de 300 a 500 euros (entre R$ 772 a 1.204).

Quatro residências foram revistadas e nelas os agentes apreenderam várias falsificações e comprovantes de envio de dinheiro ao Brasil.

Segundo o comunicado, as investigações começaram no começo deste ano. O grupo contava com a ajuda de intermediários que freqüentavam os clubes para oferecer os serviços.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.