Esportes

Tira-teima

Vasco e Corinthians  se enfrentam nesta quarta-feira (16) pelo jogo de ida das quartas de final da Taça Libertadores da América.



André Portugal/Fotocom
André Portugal/Fotocom
Jogo desta quarta-feira será em São Januário, próximo confronto será na capital paulista

O funil está ficando cada vez mais apertado na Copa Libertadores e um brasileiro vai se despedir do sonho do título. Isso porque Vasco e Corinthians se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h50, em São Januário, pelo confronto de ida das quartas de final. Na próxima semana o duelo será na capital paulista.

Para chegar nesta etapa o Cruz-maltino despachou o Lanús, da Argentina, nos pênaltis, após os dois times alternarem triunfos como anfitriões por 2 a 1. Já o Timão teve menos problemas para eliminar o Emelec, goleando por 3 a 0 em São Paulo, após empate sem gols no Equador.

Se o histórico for levado em consideração, o Vasco tem mais motivos para se animar. Essa será a quarta vez que o time carioca terá um brasileiro pela frente em mata-matas de Libertadores. Em 1998, ano que foi campeão, eliminou Cruzeiro e Grêmio. Porém, no ano seguinte, foi eliminado pelo Palmeiras. Já o Corinthians tem péssimo retrospecto em duelos caseiros. Das oito eliminações na história, metade foi para clubes do Brasil – Grêmio (nas quartas de final de 1996), Palmeiras (nas quartas de 1999 e na semifinal de 2000) e Flamengo (nas oitavas de 2010).

Ao Timão resta se inspirar em 2000, quando conquistou o Mundial de Clubes derrotando justamente o Vasco na grande final, nos pênaltis.

“São duas equipes com alma e consistência. Serão dois grandes duelos, equilibrados e complicados. Vamos encontrar muitas dificuldades e sabemos que teremos problemas pela frente.

Desde o ano passado que o Vasco é um bom rival para se evitar”, disse Tite.

O Vasco também é so elogios para o rival. “Nós vamos enfrentar um time que tem números significativos nesta Copa Libertadores, pois sofreu poucos gols e conseguiu fazer muitos”, constatou o volante Nilton.

Em relação à escalação, o Corinthians terá duas mudanças em relação ao time que derrotou o Emelec. O volante Edenilson, com fratura no pé direito, fica de fora. Já o meia Jorge Henrique, que volta de suspensão, ganha a vaga de Willian.

No Vasco, ainda sem poder contar com o zagueiro Dedé, com edema na coxa esquerda, Cristóvão vai manter a base que foi derrotada pelo Lanús.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.