Esportes

Sousa abre vantagem no duelo com o Galo

Com o placar de 2 a 0, com gols de Esquerdinha no primeiro tempo, o time sousense tirou a vantagem do rival.




Em um jogo que começou com 45 minutos de atraso, devido a um problema no transformador que fica dentro do estádio Marizão, o Sousa voltou a vencer o Treze, agora no primeiro jogo do mata-mata da segunda fase do Campeonato Paraibano.

Com o placar de 2 a 0, com gols de Esquerdinha no primeiro tempo, o time sousense tirou a vantagem do rival e agora pode perder até por um gol de diferença, sábado, em Campina Grande, que se classifica para decidir o título da fase com o vencedor de Campinense x Botafogo. Neste confronto, a Raposa venceu por 3 a 2.

O JOGO
Ao contrário do encontro anterior, em que foi dominado pelo Treze no primeiro tempo, o Sousa começou a partida a todo vapor e consegue um pênalti logo a um minuto de bola rolando, cometido por Anderson. O meia Esquerdinha vai para cobrança e chuta forte no canto esquerdo, sem chances para o goleiro Beto.

Sousa 1 a 0 Treze, aos quatro minutos.

O gol animou ainda mais o time sousense. Aos sete minutos, Eduardo Rato recebe de Esquerdinha e acerta a trave de Beto. O Galo tenta se reorganizar e o Sousa segue melhor em campo. O time puxa contra-ataque com Eduardo Rato, que é parado por Saulo perto da área. Falta. Esquerdinha solta a bomba, mas a bola passe longe do gol de Beto, aos 26 minutos.

Jogo segue movimentado. Agora falta para o Treze. Márcio Carioca chuta forte e a bola bate na zaga e proporciona contra-ataque sem objetividade. Mas aos 44 minutos, Esquerdinha marca o segundo, após falha da defesa alvinegra. Sousa 2 a 0 Treze.

O Treze volta para o segundo tempo com três atacantes. O nigeriano Yerien entra na vaga de Cleiton Cearense. No time sertanejo, Suélio mantém a mesma formação. A partida recomeça com o campeão paraibano tentando a marcação do primeiro gol.

Aos oito minutos, o Galo quase marca. Na cobrança da falta, depois de bate-rebate, Márcio Carioca chuta e o goleiro Anderson salva em cima da linha. Na sequência do lance, Doda faz falta violenta em Eduardo Rato, que deixa o campo lesionado e é substituído por Ivson, aos 12 minutos.

O Dino segue mandando na partida. Aos 38 minutos, o time quase faz o terceiro, quando Jéfferson chuta por cima da trave trezeana. A partir daí, o Galo procura de todas as maneiras marcar um gol para diminuir a vantagem dos sousenses. Mas o placar mesmo termina 2 a 0 para os sertanejos.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.