Esportes

Seleção brasileira goleia Itália e é tri da Copa do Mundo

Na despedida de Junior Negrão, Seleção abre 5 a 0 no placar, permite reação mas garante mais um título.




Do GLOBOESPORTE.COM

Na despedida oficial de Júnior Negão da seleção, o Brasil passeou em Marselha e conquistou o tricampeonato da Copa do Mundo de futebol de areia. A equipe não teve problemas para golear a Itália por 5 a 3 e levou mais um título para casa.

A partida começou movimentada. Logo no primeiro ataque italiano, Esposito pegou uma bola de bicicleta e acertou o travessão brasileiro. O Brasil, porém, começou a se impor. Buru teve sua chance aos 2 minutos, mas desperdiçou. Aos 4 minutos, o melhor jogador do mundo novamente chegou livre na área italiana, mas o goleiro Spada fez grande defesa.

Apesar de estar melhor na partida, o Brasil pecava por afobação na hora do último passe e na conclusão da jogada. Sidney e Benjamin estiveram perto de abrir o placar, mas falharam. Aos 7, Benjamin, novamente, fez ótima jogada. O brasileiro aplicou um elástico desconcertante sobre Leghissa e mandou a bola no travessão.

O primeiro gol saiu dos pés de Bruno, seu sexto na competição. Após belo lançamento de Buru, o brasileiro tirou o marcador com um toque de peito e tocou na saída de Spada. Golaço para abrir o placar. Logo depois, Bruno e Betinho tentaram de fora da área, dando trabalho para o goleiro italiano.

No primeiro minuto do segundo tempo, André, de falta assustou, Segundos depois, Bruno lançou Daniel, que mandou de cabeça para fora. O Brasil continuou mostrando superioridade, sem dar chances para a seleção italiana. Até que, aos 3 minutos, Bruno se livrou de dois adversários e bateu para o gol e marcou o segundo do Brasil.

O dia realmente parecia ser mesmo de Bruno. Logo depois de marcar o gol, mandou outra bola na trave. Sem assustar a defesa brasileira, a Itália tentou se segurar como pôde lá atrás. Após dar um corte sensacional em um marcador, Benjamin perdeu grande chance de ampliar o placar. Apesar de faltar um tempo para o final da partida, a torcida já gritava "olé" na arena.

O único lance de perigo da Itália foi em uma bicicleta de Feudi, que passou por cima do gol. No lance seguinte, porém, Sidney tabelou com Bueno, passou pelo goleiro e marcou o terceiro do Brasil. Com o gol do irmão de Rodrigo Souto, do Santos, todos os jogadores da seleção brasileira marcaram na competição. No minuto final, Júnior Negão quase marcou um belo gol de cobertura.

Ainda deu tempo para um lance espetacular da seleção. Benjamin levou a bola com uma série de embaixadinhas desde a zaga e tocou para Buru, que, de primeira, levantou para Sidney cabecear e marcar o quarto do Brasil. No início do terceiro tempo, a Itália partiu para o ataque, mas o Brasil soube administrar bem a pressão.

Aos 4 minutos, Bruno lançou Duda, que tocou para André, livre na área. O atacante só precisou empurrar a bola para dentro do gol. Com 5 a 0 no placar, o Brasil recuou e a Itália aproveitou para descontar. Após voleio de Esposito, Mão espalmou e a bola sobrou pra Palmacci marcar. Aos 9 minutos, Pasquali arriscou em uma falta de muito longe e fez o segundo. Relaxado na partida, o Brasil ainda permitiu o terceiro gol da Itália, com Maradona Júnior. Mas já era tarde para uma reação. O Brasil deixou o tempo passar e garantiu o título.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.