Esportes

São Paulo frustra torcida em desembarque; Ceni e Marcelinho prometem vitória

Jogo contra o Treze pela Copa do Brasil acontece na quarta-feira (16), no estádio O Amigão, em Campina Grande.




Karoline Zilah

Os torcedores do Treze e do São Paulo já ‘respiram’ o clima da partida que vai acontecer na quarta-feira (16) em Campina Grande, no estádio Amigão, pela Copa do Brasil.

A delegação do São Paulo desembarcou às 13h45 desta terça-feira (15) no aeroporto João Suassuna, sob as expectativas da torcida, que aguardou no saguão mas não conseguiu ter contato com os jogadores.

Cerca de sessenta torcedores que esperavam para ver os ídolos saíram do aeroporto frustrados porque tiveram que acompanhar a chegada de longe. A delegação composta por cerca de 40 pessoas, entre jogadores e comissão técnica, chegou em voo comercial.

Assim que desceu do avião, a equipe entrou em um ônibus ainda na pista de pouso. Poucos jogadores acenaram para os espectadores. Alguns ainda pararam para tirar fotografias com funcionários do aeroporto.

O ônibus foi escoltado por carros das Polícias Militar e Rodoviária Federal até o Garden Hotel, onde o time está hospedado. A solução encontrada por alguns fãs foi seguir em carreata para tentar encontrar os jogadores no desembarque no hotel.

Porém, a maioria não conseguiu ultrapassar os portões para ver de perto os ídolos tricolores. Um pequeno grupo que havia chegado mais cedo já esperava no saguão para cumprimentar os jogadores.

Os mais assediados foram o goleiro Rogério Ceni e o meia Marcelinho Paraíba, que é campinense.

Veja relação dos selecionados do São Paulo para o jogo

O goleiro conversou com a imprensa e disse que sua expectativa é superar a derrota que o São Paulo sofreu do Treze em 2002, última vez que os dois times se enfrentaram em Campina Grande. “Sei que vai ser um jogo difícil, pois o Treze tem tradição no futebol brasileiro”, comentou.

Este será o primeiro jogo de Marcelinho Paraíba em Campina Grande defendendo um time profissional.

Revelado nas divisões de base do Campinense, principal algoz do Treze, ele comentou que espera fazer gols pelo São Paulo e alegrar sua torcida.

Dos três paraibanos que compõem o time de jogadores do São Paulo, vieram a Campina Grande Marcelinho Paraíba e Carlinhos Paraíba. O lateral Edson Ratinho não viajou para este jogo.

Programação

O time seguiu para o almoço assim que desembarcou no Garden Hotel. A programação para esta terça-feira inclui um reconhecimento do campo do estádio Amigão, às 19h. O treino comandando pelo técnico Paulo César Carpegiani será decisivo para a definição do time que entrará em campo amanhã.

 O Galo também se prepara para o confronto. A equipe confia num tabu: não sabe o que é perder no estádio Amigão desde julho de 2009. No total, são 39 partidas de invencibilidade.

Os times voltam a se enfrentar no dia 24 de fevereiro, no Morumbi.

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.