Esportes

Otávio se inspira no ídolo Neymar

De férias em João Pessoa, meia do Inter fala do Brasileirão, da chegada de Dunga e revela asiedade para enfrentar santista. 



Lucas Barros/Globoesporte.com
Lucas Barros/Globoesporte.com
Com apenas 17 anos Otávio já faz parte do elenco de profissionais do Inter

Ele tem apenas 17 anos. E mesmo com tão pouca idade já conseguiu sair das categorias de base do Internacional e jogar pelo time principal do clube gaúcho em competições oficiais. Aliás, é o primeiro jogador colorado desde Alexandre Pato a conseguir tal feito.

Este é Otávio, paraibano que com o fim do Brasileirão está curtindo férias em João Pessoa ao lado da família, e que ainda comemora a chance de ter estreado na principal competição de futebol do país. Apesar de ter sofrido uma lesão na perna esquerda durante a temporada, o meia-atacante considera 2012 um excelente ano para seu início de carreira.

“Esse ano me deixou satisfeito. É verdade que tive algumas lesões e fiquei uns dois meses sem conseguir jogar direito. Desfalquei o time em alguns jogos do Brasileirão. Mas o que me deixa mais feliz é ter sido o primeiro a subir com essa idade para o time principal depois do Pato. Espero ser um ídolo que nem ele, e representar a camisa do Inter com muito orgulho. Quero que 2013 seja o meu ano”, destacou a jovem promessa.

Com a chegada de Dunga para comandar o Internacional no próximo ano, Otávio espera se firmar de vez na equipe profissional. E quer que a sequência de oportunidades conquistadas durante o ano de 2012 se repita.

“Dunga é um treinador experiente. Espero que ele goste do meu futebol e me coloque para jogar. Tenho a certeza de que vou continuar representando bem essa camisa”, garantiu.

Em 2012, Otávio disputou cinco jogos do Campeonato Brasileiro. A estreia aconteceu ainda no 1º turno contra o Santos, no Estádio Beira-Rio. Aliás, nesse jogo o desejo de Otávio era enfrentar Neymar, em quem ele se espelha para jogar futebol. Mas a vontade do atleta não foi concretizada, já que o atacante do Santos estava servindo à Seleção Brasileira.

“Neymar joga muito e não tem nem o que falar dele. Infelizmente ainda não tive a chance de encontrar esse grande ídolo do futebol brasileiro”, revelou.

Com contrato assinado até 2015, as férias do meia chegam ao fim neste fim de semana. O jogador se reapresenta ao Internacional na segunda-feira e imediatamente reinicia os treinamentos de olho na temporada do ano que vem.
(Do Globoesporte.com)


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.