Esportes

Leston admite abalo com gol relâmpago, mas diz que Belo vai lutar até o fim

Ele fala em aprendizado para reverter a situação adversa e ser merecedor da conquista do Paraibano




Cisco Nobre/GloboEsporte.com

Fim da primeira batalha pelo título do Campeonato Paraibano de 2018. E se o Botafogo-PB tinha a vantagem por ter a melhor campanha, esta foi por água abaixo logo no primeiro minuto de jogo no Estádio Amigão, em Campina Grande, na noite desta quinta-feira. O gol marcado por Tarcísio, na primeira jogada da partida, garantiu o triunfo do Campinense, que derrotou o Belo e largou na frente na busca para ser campeão estadual. O gol relâmpago da Raposa foi motivo de lamentação do técnico botafoguense, Leston Júnior, que admitiu o abalo da equipe diante da ligeira tratativa rubro-negra.

No entanto, segundo o comandante alvinegro, o Botafogo-PB melhorou na etapa final, conseguindo equilibrar o jogo, mas pecando nas finalizações.

“Foram dois tempos com domínios distintos. O Campinense começou com um ímpeto muito forte e vivendo um ambiente muito favorável, eles chegaram ao gol muito cedo. Isso gerou certa instabilidade na equipe, um abalo emocional. Porém, mostramos um bom poder de reação e até conseguimos equilibrar, mas não fomos efetivos o suficiente”, analisou Leston Júnior.

Com a derrota fora de casa, o Botafogo-PB agora precisa vencer o Campinense a qualquer custo para chegar ao bicampeonato consecutivo do Paraibano. Apesar de estar em desvantagem no marcador, um triunfo por qualquer placar é o suficiente para a conquista alvinegra.

Esta, inclusive, foi apenas a segunda derrota do Botafogo-PB no Campeonato Paraibano. A primeira também aconteceu numa fase de mata-mata. Foi para o Sousa, por 1 a 0, no jogo de ida da repescagem. Na ocasião, o Belo reverteu no jogo de volta e eliminou o Dinossauro com um triunfo de 3 a 1 no Almeidão.

Leia mais no Globoesporte.com/pb


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.