Esportes

Hamilton é pole na Hungria; Felipe Massa fica em terceiro

 Hamilton sai na pole position do GP da Hungria Lewis Hamilton, líder do campeonato, dominou todo o treino classificatório e vai largar na pole position do GP da Hungria, que será disputado neste domingo.




 Do GLOBOESPORTE.COM

Lewis Hamilton sai na pole position do GP da Hungria Lewis Hamilton, líder do campeonato, dominou todo o treino classificatório e vai largar na pole position do GP da Hungria, que será disputado neste domingo. O inglês liderou a dobradinha da McLaren, que terá Heikki Kovalainen na segunda posição no grid. Felipe Massa, da Ferrari, não conseguiu andar no mesmo ritmo e sai em terceiro lugar. Ele foi quase três décimos mais lento que o primeiro colocado.

A Rede Globo transmite o o GP da Hungria neste domingo, às 9h (horário de Brasília). O GLOBOESPORTE.COM acompanha em Tempo Real as 70 voltas da corrida.

Robert Kubica, da BMW Sauber, conseguiu um bom desempenho nas três partes do treino classificatório e larga na quarta posição. O polonês foi muito melhor que Nick Heidfeld, seu companheiro de equipe, que ficou 11 posições atrás. Timo Glock, da Toyota, foi a grande surpresa do treino e assegurou a quinta posição no grid da corrida deste domingo.

Kimi Raikkonen, atual campeão mundial, teve outro desempenho muito aquém de Felipe Massa, seu companheiro de equipe. O finlandês foi quase quatro décimos mais lento e larga apenas na sexta posição, exatamente à frente de Fernando Alonso, da Renault. O espanhol tentou uma tática diferente para a corrida e disse que vai sair mais leve para tentar fazer um bom início.

Mark Webber, da RBR, ficou na oitava posição, à frente de Jarno Trulli, companheiro de Timo Glock na Toyota. Nelsinho Piquet ficou na décima posição, sete décimos mais lento que Fernando Alonso na superpole. O brasileiro deve sair com uma tática diferente do espanhol.

Barrichello-  O piloto foi eliminado no Q1 e larga apenas em 18º
Rubens Barrichello foi eliminado mais uma vez na primeira parte do treino classificatório. O brasileiro vinha em uma volta boa quando o cronômetro já estava zerado, mas foi atrapalhado pelo tráfego no segundo setor e vai largar apenas na 18ª posição com sua Honda, enquanto Jenson Button, seu companheiro, passou para o Q2 e sai em 12º.

Outra surpresa foi a saída de Nick Heidfeld ainda no Q1. O alemão da BMW Sauber sai na 16ª posição, após reclamar muito do francês Sebastien Bourdais, que o teria atrapalhado no fim da primeira parte do treino. A equipe resolveu colocar seus dois carros para andar apenas nos últimos cinco minutos da sessão, o que pode ter prejudicado ainda mais a tarefa do alemão.

David Coulthard, mais uma vez, não conseguiu entrar na superpole e vai largar apenas na 13ª posição. O escocês, que cumpre seu último ano na Fórmula 1 antes da aposentadoria, foi superado mais uma vez por Mark Webber, seu companheiro de equipe, que avançou à superpole. Nico Rosberg, da Williams, por sua vez, sequer marcou tempo na segunda parte do treino e sai apenas em 15º. O alemão reclamou de problemas em seu carro e terá vida difícil na corrida deste domingo.

A dupla da STR também ficou fora da superpole. Sebastian Vettel, uma das principais revelações da Fórmula 1 nos últimos anos, ficou na 11ª posição, a apenas 13 milésimos de avançar à última parte do treino. Já Sebastien Bourdais foi o 14º colocado, oito décimos mais lento que seu companheiro de equipe.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.