Esportes

Estádios irregulares ameaçam Campeonato Paraibano

Promotor  Valberto Lira convocou uma reunião para a próxima sexta-feira para discutir a situação dos estádios de futebol da Paraíba.




O coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Cidadania e Direitos Fundamentais do Ministério Público da Paraíba, Valberto Lira, convocou uma reunião para a próxima sexta-feira para discutir a situação dos estádios de futebol da Paraíba.

A reunião acontece a partir das 9h, no auditório da sede das Promotorias de Direitos Difusos, e foi convocada porque os estádios, principalmente os administrados pelo Estado, “permanecem ou pioraram as situações constantes dos laudos apresentados no ano de 2010, apesar das oportunidades dadas aos gestores”. Segundo ele, o início da competição está ameaçado.“Na situação existente hoje nenhum dos estádios de propriedade do governo do Estado apresentam condições de realização de jogos. Na ocasião da reunião será mostrado pelas equipes responsáveis pelos laudos que nada foi feito para sanar as irregularidades. Estamos na iminência de não termos jogos do Campeonato Paraibano”, explicou o coordenador.

Os estádios do Governo, citados pelo promotor como sendo os casos mais graves, são o Almeidão, em João Pessoa; o Amigão, em Campina Grande; e o Perpetão, em Cajazeiras.

Foram convocados para a reunião os representantes dos times que vão disputar o Campeonato Paraibano, da FPF, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, do Crea da Paraíba e das Vigilâncias Sanitárias de Cajazeiras, Sousa, Patos, Campina Grande e João Pessoa.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.