Esportes

É hora de se concentrar na Libertadores

Com o fim do brasileirão os times classificados devem começar a preparação para outro campeonato nada fácil, a Libertadores.



Marcos Nagelstein/Vipcomm
Marcos Nagelstein/Vipcomm

O Campeonato Brasileiro tem a fama de ser um dos mais concorridos do mundo. Conseguir uma vaga na Libertadores, então, é muito comemorado pelos torcedores. Mas, passada a euforia inicial, é hora de se dar conta que os problemas estão apenas começando.

Mesmo com apenas 23 dos 44 times conhecidos, já se sabe que algumas pedreiras virão pela frente. O Fluminense, poderá ter dois argentinos em seu grupo, sendo que um deles já é o temido Boca Juniors.

O Flamengo, que vai jogar a fase preliminar, revive o pesadelo de 2007, quando teve que enfrentar o Real Potosí a mais de 4 mil metros de altitude. Na época, muitos jogadores passaram mal e tiveram que recorrer a balões de oxigênio durante a partida.

Passando dessa fase, o Rubro-Negro poderia cair num grupo com Libertad, Emelec e Lanús.

Até mesmo um clássico nacional pode acontecer direto na primeira fase. Para isso, o Inter precisa passar da fase preliminar e, além da altitude, poderá encarar um adversário mais complicado – Once Caldas e Millonários estão na disputa para saber quem será o adversário do Colorado. Quem passar do mata-mata, vai pegar o atual campeão, o Santos, no Grupo 1 (que ainda tem um time da Bolívia e outro do Peru).

O Vasco, campeão da Copa do Brasil, vai encarar um rival de tradição na primeira fase: o Nacional de Montevidéu. Num pior cenário possível, o time brasileiro também enfrentaria Alianza, do Peru, e a LDU, do Equador.

Por fim, o Corinthians vai tentar acabar com a sua saga de frustrações na Libertadores num grupo que promete ser complicado pela presença do Cruz Azul e um paraguaio, que pode ser Olímpia, Cerro Porteño ou Libertad.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.