Esportes

Atlético de Cajazeiras atropela o Campinense no encontro de paraibanos na Série D

Time sertanejo emplaca a segunda vitória, enquanto que a Raposa completa três jogos seguidos sem vencer.




Atlético de Cajazeiras atropela o Campinense no encontro de paraibanos na Série D. Foto: Gabriela Sávio/Atlético de Cajazeiras

Domínio! Essa palavra define o que foi o primeiro encontro de paraibanos na Série D do Campeonato Brasileiro. No Estádio Perpetão, o Atlético de Cajazeiras recebeu o Campinense neste domingo (11), pela quinta rodada da competição nacional. E no decorrer dos 90 minutos, o Trovão Azul se sobressaiu, passando por cima de uma Raposa insegura, que falhava do gol até o ataque. O primeiro gol foi marcado logo no início, com Bruno Gonçalves, que contou com uma falha feia do goleiro Waldson. Depois disso, o lateral-direito Alex Travassos ainda foi expulso num lance de destempero.

Na segunda etapa, o golpe de misericórdia, com Pachu e Paulinho decretando o triunfo atleticano. O jogo ainda teve outros dois expulsos: Paulinho no lado azul e Fabinho no lado vermelho e preto. Apesar disso, o placar ficou barato diante da superioridade dos mandantes, que emplacaram a segunda vitória seguida na quarta divisão, colocando pressão no Rubro-Negro de Campina Grande.

O jogo demorou 15 minutos para começar, já que faltava uma ambulância com desfibrilador no Estádio Perpetão. Mas quando a bola rolou, o time do Atlético-PB foi quem se sobressaiu. Bruno Gonçalves recebeu na entrada da área e chutou sem força. No entanto, o goleiro Waldson aceitou num lance feio. Depois do gol, foi o Trovão quem se manteve em cima. O Campinense teve poucos momentos de lucidez, parecia nervoso.

E para provar que o nervosismo estava imperando no lado rubro-negro, o lateral-direito Alex Travassos perdeu a cabeça, acertou a bola no assistente Kildenn Tadeu e acabou expulso. A primeira etapa terminou com os atleticanos vencendo por 1 a 0.

Na etapa final, o Campinense pareceu não ter voltado para o gramado. Inseguro, errando na defesa, o time viu o Atlético-PB assustar com Jean Santos e depois com Bruno Gonçalves. Na terceira chance, não teve jeito. Aos cinco minutos, cobrança de falta rápida de Jean Santos, Pachu dominou e chutou no canto do goleiro Waldson, o segundo do Trovão Azul no jogo. O domínio do Atlético-PB seguiu no jogo. Aos 25 minutos, grande jogada do sistema ofensivo atleticano: Diogo Peixoto deu um belo passe para Bruno Gonçalves, que achou Paulinho sozinho na pequena área. Foi o terceiro gol dos mandantes.

O segundo tempo ainda viu Paulinho, do Atlético-PB, e Fabinho, do Campinense serem expulsos após uma discussão na beira do gramado. Mas o fato é que a fatura já estava liquidada. Atlético-PB 3 x 0 Campinense.

As escalações

Atlético de Cajazeiras: Gabriel, Michel, Wesley, Egon e Guilherme (Davi); Jean Santos, Peu (Diogo Peixoto), Iranilson (Paulinho) e Patrick (Enercino); Pachu (Costela) e Bruno Gonçalves. Técnico: Ederson Araújo.

Campinense: Waldson, Alex Travassos, Dorgival (Rafael Ibiapino), Breno e Fabinho, Weverson, Gabriel (Kiko), Echeverria (Aleff Diego), Téssio (Caio Breno), Jobson, Fábio Júnior (Everton Henrique). Técnico: Givanildo Sales.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.