Eleições 2020

Nilvan quer participação do Gaeco do Ministério Público nas licitações da Prefeitura de João Pessoa

Candidato também quer a presença de outros órgãos, como o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.




Nilvan quer participação do Gaeco do Ministério Público nas licitações da PMJP. Foto: Divulgação

O candidato à prefeitura de João Pessoa pelo MDB, Nilvan Ferreira, quer a participação do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público da Paraíba (MPPB) nos processos licitatórios da Prefeitura de João Pessoa. Nesta quinta-feira (22), ele participou de um ciclo de debates sobre o meio ambiente, de uma reunião com representantes do Instituto dos Arquitetos do Brasil na Paraíba e ao longo do dia visita moradores dos bairros Mangabeira, São José, Valentina Figueiredo e da Comunidade Laranjeiras.

Nilvan explicou que, além do Gaeco, também quer a presença de outros órgãos como o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), com o objetivo de manter a lisura e a transparência nas licitações realizadas pela Prefeitura de João Pessoa.

“Todos os órgãos fiscalizadores serão convocados para participar desses processos. A transparência e a lisura, principalmente nas licitações, precisam ser prioridade em qualquer gestão e na nossa gestão não será diferente”, garantiu.

Ele ainda disse que as reuniões dos processos licitatórios serão filmadas, publicizadas e que com a transparência, qualquer empreendedor terá condições de ser um potencial parceiro da Prefeitura de João Pessoa.

“A fiscalização dos contratos, bem como, a efetivação dos processos de medição e pagamento dos fornecedores vão acontecer de forma transparente, ética e profissional”, finalizou.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.