Eleições 2020

Edilma propõe transformar Trauminha em instituto, para garantir maior autonomia financeira

Medida daria autonomia financeira à direção da unidade.




A candidata do Partido Verde (PV) à prefeitura de João Pessoa, Edilma Freire, declarou que, caso eleita, deseja transformar o Hospital Ortotrauma de Mangabeira, o Trauminha, em um instituto, tal qual o Cândida Vargas para que, segundo ela, ele tenha mais autonomia financeira para realização de sua manutenção.

“Por ser um hospital porta aberta, que atende João Pessoa e mais 64 municípios, há um desgaste esperado da infraestrutura da unidade. Transformando o Trauminha em instituto, como é hoje o caso do Instituto Cândida Vargas, há uma autonomia financeira da direção da unidade para realizar os reparos diários, como a troca de uma lâmpada ou resolver um problema de infiltração, por exemplo”, explicou a candidata.

A candidata ainda declarou que, em sua gestão, deseja garantir leitos de retaguarda no Hospital Prontovida e manter o ritmo de atendimentos e cirurgias realizadas pelo hospital. “Vamos investir para que esse serviço seja mais eficiente e cuide melhor da nossa população”, disse.

No último mês de agosto, o prefeito Luciano Cartaxo anunciou a troca do comando do Trauminha, que passou a ser ocupado pela secretária adjunta de saúde, Ana Giovana, e o processo licitatório para a reforma do hospital. O anúncio ocorreu após uma interdição ética dos médicos que lá trabalham realizada pelo Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB).


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.