Eleições 2020

Com críticas a Cícero e Nilvan, PSB anuncia neutralidade no 2º turno em João Pessoa

Partido do ex-governador Ricardo Coutinho divulgou uma nota confirmando a posição .




Ricardo Coutinho ficou na 6ª posição (Foto: Divulgação)

Como já era esperado, o PSB anunciou nesta quarta-feira (18) que não vai apoiar nenhum dos dois candidatos que estão na disputa pela prefeitura de João Pessoa, no 2º turno. O partido do ex-governador Ricardo Coutinho, que terminou o primeiro turno na sexta posição, divulgou uma nota na qual traz uma série de críticas a Cícero Lucena (Progressistas) e Nilvan Ferreira (MDB), que ainda estão na briga pelo Executivo da capital paraibana. 

Na nota, o partido diz que a campanha eleitoral de 2020 “revelou dois pontos vergonhosos de unidade entre os principais candidatos: a  pobreza de propostas e projetos para a cidade e os ataques covardes ao candidato do PSB. Ricardo Coutinho”. A sigla fala em perseguição contra o ex-governador e diz que ele “foi alvo de todo tipo de leviandades, provocações e calúnias”.

O partido também cita o julgamento de Ricardo Coutinho no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que o considerou inelegível, como um fator que interferiu no resultado das eleições  “Desta feita se difundiu a inverídica nulidade da candidatura Ricardo Coutinho, confundindo a população e atingindo o objetivo de promover um imenso prejuízo eleitoral à candidatura do PSB”, afirma o partido.

Sobre os candidatos que estão na disputa, o PSB diz que a “eventual eleição de  Cícero Lucena representará um gigantesco retrocesso, a volta a um tempo que a cidade imaginava ter superado”. E diz que a “eleição de Nilvan Ferreira representará, a vitória da negação da política, do falso moralismo, da demagogia e do oportunismo”

“Em razão desse cenário, o PSB de João Pessoa anuncia a total impossibilidade de associar a sua trajetória de realizações, sua construção histórica de compromissos ético-políticos com a sociedade pessoense, a essas candidaturas que chegaram ao segundo turno.”, alega o partido do ex-governador.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.