Eleições 2020

Candidatos derrotados em JP agradecem votos mas não sinalizam apoio no segundo turno

Wallber Virgolino (Patriota) foi o único a liberar a militância para escolher candidato




Foto: Divulgação

Os candidatos derrotados à prefeitura de João Pessoa no primeiro turno se posicionaram em suas redes sociais após o resultado ser divulgado na noite deste domingo (15), mas evitaram declarar apoio em relação às alianças que poderão ser feitas no segundo turno, que vai ser disputado por Cícero Lucena (Progressistas) e Nilvan Ferreira (MDB). Wallber Virgolino (Patriota) foi o único candidato que fez referência à segunda etapa do pleito eleitoral, liberando sua militância para escolher em quem quiser votar. “Como eu não tenho eleitores, eu tenho amigos, vocês estão liberados para escolher no segundo turno em quem quiser votar”, disse.

“Lutamos o bom combate, sem estrutura financeira e política e fomos vencidos pelo ‘mecanismo’. Continuaremos firmes e fortes feito uma rocha na defesa do povo paraibano na Assembleia Legislativa”, destacou Wallber Virgolino.

Já Ruy Carneiro, candidato pelo PSDB, agradeceu à militância e disse que fez uma das campanhas mais bonitas e propositivas já realizadas na capital. “Encerro esta primeira etapa da corrida eleitoral com a certeza de ter podido iniciar uma nova fase na minha relação de amor, de admiração e de enorme respeito pelo povo da minha querida cidade”, disse.

Anísio Maia, por sua vez, candidato pelo PT, agradeceu aos eleitores e disse que “valeu a pena cada dia dessa jornada”. “Muito obrigado a você que acreditou no projeto de poder popular que apresentamos para João Pessoa. A luta continua sempre com coragem e ao lado do povo”, ressaltou.

Raoni Mendes (Democratas) declarou que a campanha fez com que pudesse conhecer ainda mais João Pessoa e as pessoas que vivem nela. “Pude sentir de perto os problemas da população e construir um plano de governo verdadeiro para solucionar cada um deles. Não tenho palavras para agradecer a cada um que acreditou, me apoiou e votou em mim hoje”, afirmou.

Já Edilma Freire (PV) cumprimentou e parabenizou Cícero Lucena e Nilvan Ferreira pela passagem para o segundo turno. “Carregamos as bandeiras das realizações dos últimos oito anos à frente da Prefeitura de João Pessoa; um modelo de gestão que fica para a história da cidade, em cada aula que ministramos, em cada paciente que atendemos, em cada criança que alimentamos e educamos”, falou.

Os candidatos Ricardo Coutinho (PSB) e João Almeida (Solidariedade) não se posicionaram até o fechamento dessa matéria.

Cícero Lucena (Progressistas ) e Nilvan Ferreira (MDB) vão decidir a eleição para a Prefeitura de João Pessoa no segundo turno. O resultado foi confirmado depois das 22h, deste domingo (15), após um longo atraso na apuração. De acordo com os números, Cícero recebeu 75.610 votos, o que representa 20,72% dos  válidos. Nilvan obteve 60.615 votos, o que representa 16,61% dos votos válidos. O segundo turno é no dia 29 de novembro.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.