Eleições 2020

Bolinha apresenta projeto de São João descentralizado e calendário anual de cultura

Segundo prefeitável, deverá haver programação junina e cultural em todos os bairros de Campina Grande




O candidato à Prefeitura Municipal de Campina Grande pelo PSL, Artur Bolinha, afirma que em sua gestão, caso seja eleito, pretende descentralizar o São João de Campina Grande para que todos os bairros tenham programação junina e os artistas da terra tenham mais espaço nos 30 dias de festa. Outra propostas são uma infraestrutura que ligue o Parque do Povo ao Açude Novo através de um túnel, além de um calendário anual de cultura que coloque a cidade como rota constante de turismo.

Para o candidato, o São João é o melhor produto turístico do município e deve ser tratado com mais respeito. “Quem não é da Paraíba fala mais no São João de Campina do que nas praias de João Pessoa. Essa é nossa vitrine. Para a festa, esperamos manter a parceira pública e privada, só não sei se a empresa será a mesma. Vamos abrir para a concorrência e descentralizar o São João para que em todos os bairros exista programação junina”, pontuou Artur em entrevista à imprensa.

Sobre o calendário anual de cultura, Bolinha diz que nas praças e parques dos bairros deverá haver apresentações artistícas e culturais. “Campina Grande tem um grande celeiro cultural e esses artistas não têm onde se apresentar. Nós iremos estabelecer um calendário anual de cultura para resolver esse problema e incluir todos os bairros durante todo o ano”.

Quanto ao projeto de construir um novo Parque do Povo pensado pela atual gestão do município, Artur considera uma má ideia. “Aquela área já está conhecida, discordo da construção de um novo parque. O que deve ser feito é inteligar o Parque do Povo com o Açude Novo através de um túnel. Isso irá valorizar um dos nossos maiores cartões postais e que está totalmente abandonado. Vamos reabilitá-lo e também voltar a fazer o Festival de Inverno dentro da estrutura do Parque do Povo”, garantiu o candidato.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.