Educação

Projeto pretende implementar Centro de Tecnologia em Campina Grande

De acordo com o Projeto, o imóvel será doado pelo Estado à Prefeitura Municipal, objetivando implementar o Centro de Inovação Tecnológica, em função da cidade sediar o TecOut Center.



Prefeitura de Campina Grande
Prefeitura de Campina Grande
A doação proporcionará a implantação de cerca de 80 empresas locais e multinacionais de base tecnológica.

Da Redação
Com Assessoria

Uma solenidade está marcada para acontecer nesta quinta-feira (14), às 11h, no Centro de Extensão José Farias da Nóbrega, na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), quando será apresentado à comunidade da área de ciência e tecnologia da cidade, Projeto de Lei a ser encaminhado em Regime de Urgência à Assembleia Legislativa pelo Governador do Estado, José Maranhão, autorizando a doação de um imóvel industrial localizado na rua Aprígio Veloso, bairro de Bodocongó, para a implementação do Centro de Inovação Tecnológica Telmo Araújo (CITTA), em parceria com a Fundação Parque Tecnológico da Paraíba.

A informação é do prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo, que confirma as presenças no evento do Chefe da Casa Civil, Inaldo Leitão; do secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Eluísio Dantas; do secretário de Infraestrutura, Renato Gadelha; do Reitor da UFCG, Thompson Mariz; da presidente da Fundação Parque Tecnológico, Francilene Garcia; do secretário municipal de Ciência, Inovação e Tecnologia, Emir Candeia, além da secretária de Interiorização, Ana Cláudia Vital do Rêgo.

De acordo com o Projeto, o imóvel será doado pelo Estado à Prefeitura Municipal, objetivando implementar o já citado Centro de Inovação Tecnológica, em função da cidade sediar o TecOut Center, um Centro inédito no Brasil voltado para a internacionalização de software, que prepara as empresas brasileiras do setor para penetrar no mercado internacional, através do incentivo e do suporte técnico, material e humano.

Conforme o Projeto, a doação proporcionará a implantação de cerca de 80 empresas locais e multinacionais de base tecnológica, tais como a Accentury, Microsoft, entre outras, que gerarão centenas de empregos diretos e indiretos, além do incremento do ensino, da pesquisa e da extensão por parte das instituições de ensino superior.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.