Economia e Negócios

Treze projetos de startups paraibanas são selecionados em edital nacional

Dos 13 selecionados, seis projetos são de Campina Grande, seis de João Pessoa e um da cidade de Santo André.




Treze projetos de startups paraibanas foram aprovados no 1º ciclo do edital InovAtiva Brasil, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Em todo o Estado, foram inscritos 49 projetos. Dos 13 selecionados, seis projetos são de Campina Grande, seis de João Pessoa e um da cidade de Santo André; um dos cinco melhores projetos aprovados no edital nacional é de Campina Grande.

Os paraibanos ficaram em segundo lugar em quantidade de projetos aprovados no Nordeste, ficando atrás somente de Fortaleza (CE). No país, foram selecionados 300 projetos de um total de 1.372 submetidos. As startups habilitadas no InovAtiva Brasil receberão, durante cinco meses, capacitação, mentorias individuais e coletivas com executivos experientes e conexão com possíveis parceiros e investidores.

Na Paraíba, as startups são apoiadas pelo Sebrae através de dois projetos, o Start PB de João Pessoa e o Sow Economia Digital de Campina Grande, que se mobilizaram para atrair interessados. "Colocamos à disposição das empresas orientação técnica para apoiar no modelo de negócios dos interessados. Fizemos a mentoria coletiva com cerca de 30 empresas", disse a gestora do projeto Start PB, Danyele Raposo. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.