Economia e Negócios

Supermercados esperam crescer até 10% nas vendas juninas

Mesmo com a crise, associação acredita que a Paraíba deverá superar a expectativa nacional que é, de no máximo, 5%. Motivo é consumo de itens para o São João. 



Rizemberg Felipe
Rizemberg Felipe

A Associação dos Supermercados da Paraíba (ASPB) espera um aumento de 5% a 10% nas vendas de itens sazonais das redes varejistas do Estado no perído das festas juninas. A informação é do presidente da associação, José Willame de Araújo. De acordo com ele, as expectativas para o mês de junho na Paraíba são altas, apesar da crise, e devem superar o cenário nacional, cuja previsão de crescimento é de 5%.

“O São João para a gente é como um segundo Natal. As vendas são sempre boas, mas, por enquanto, tendo como base o início do mês, o comportamento do consumidor está lento. Apesar disso, nossa expectativa é a melhor possível e é provável que, com a proximidade do dia 24, as vendas aqueçam da forma que esperamos”, afirmou.

Sem fazer grandes apostas, porém também confiante, a rede Bemais prevê um crescimento de 3% em relação às vendas do ano passado. Conforme o gerente de marketing da empresa, Paulo André, o motivo para a aparente tranquilidade é que a rede já vem experimentando uma expansão nas vendas nos últimos anos. “A gente acredita que se conseguirmos bater as metas do ano passado já será bastante satisfatório”, ressaltou.

Enquanto isso, as redes Pão de Açúcar e Extra esperam, juntas, crescimento de vendas de até 20% dos principais produtos sazonais na região Nordeste do país. Os itens sazonais, que compõem o cardápio junino, são as comidas produzidas nas padarias das lojas, como os bolos pé de moleque, além de canjica, munguzá, arroz doce e tapioca.

Por conta das festas e do cenário animador, durante o mês, as lojas das redes terão quiosques e espaços dedicados à venda dos itens típicos. Para incentivar os consumidores, as empresas ainda vão reforçar a exposição das bebidas mais vendidas no período – sucos, refrigerantes, cervejas e destilados – e oferecer descontos nos produtos.  


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.