Economia e Negócios

Governo vai pagar benefício a autônomos prejudicados por coronavírus

Valor equivale à mesma quantia do Bolsa Família, e vai começar a ser distribuído nas próximas semanas.




O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou que o Governo Federal distribuirá cupons de R$ 200 para trabalhadores informais por três meses. A medida deve consumir, R$ 15 bilhões ( R$ 5 bilhões ao mês), e tem como objetivo amparar camadas mais vulneráveis à crise econômica ocasionada pela pandemia do novo coronavírus.

O benefício pago ao trabalhador autônomo equivale à mesma quantia do Bolsa Família, e vai começar a ser distribuído nas próximas semanas. Os ‘vouchers’, como são chamados os cupons, vão poder ser retirados por pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, desde que o beneficiário não receba nenhum benefício social, como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

“Esses trabalhadores informais estão no cadastro único, não estão no Bolsa Família, nem no BPC. É uma turma valente que está sobrevivendo sem ajuda do Estado. Vamos garantir pelo menos recursos para a manutenção básica durante a crise”, declarou o ministro em entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Atualmente, o Bolsa Família paga de R$ 89 a R$ 205 por mês às famílias cadastradas. O valor médio corresponde a R$ 191. Gestantes, lactantes (mães que amamentam) e filhos de até 15 anos de idade recebem, cada um, adicional de R$ 41, até o teto de R$ 205.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.