Economia e Negócios

Dólar sobe com piora nos mercados globais

Moeda vinha registrando queda nos últimos quatro dias. Dia é de perdas nas bolsas mundiais.




Do G1

A piora dos mercados financeiros globais volta a afetar a cotação do dólar nesta sexta-feira (31). Após quatro dias consecutivos de baixa, a moeda norte-americana volta a ser negociada em alta. Por volta das 9h20, o dólar subia 0,33%, para R$2,11.

A cotação da moeda acompanha a volta do mau humor nas bolsas. Na Europa, os principais indicadores operam em leve baixa e sinalizam para um encerramento mensal de quedas recordes.

Na Ásia, apesar do corte de juros promovido pelo banco central do Japão, o dia foi de fortes perdas. A bolsa de Tóquio recuou 5,01% no fechamento. Em Hong Kong, a queda foi de 2,52%.

Histórico

Na quinta-feira, o dólar registrou o seu quarto pregão consecutivo de queda frente ao real. Ao final do dia, a moeda americana teve baixa de 1,77%, sendo cotada a R$ 2,105.

A moeda norte-americana, que na semana encerrada no dia 24 de outubro fechou a R$ 2,327, teve baixa de 9,54% desde segunda-feira. Entretanto, a taxa de câmbio brasileira acumula uma variação positiva de 18,45% desde o início do ano, quando o dólar valia R$ 1,777.

Força do BC

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, revelou durante audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal que a atuação para tentar impedir a disparada do dólar, somou US$ 32,8 bilhões desde a piora da crise financeira internacional com a quebra do banco norte-americano Lehman Brothers, em meados de setembro.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.