Cultura

Sabadinho Bom apresenta shows de Roberto do Valle e Beto Malloca

Evento acontece na Praça Rio Branco no Centro de João Pessoa das 11h30 às 16h. Aberto ao público, o programa é grátis.




O bandolinista Roberto do Valle e o sambista carioca Beto Malloca mais uma vez voltam à Praça Rio Branco do Centro Histórico para se apresentar pelo projeto Sabadinho Bom e desfilar um repertório de clássicos. 
 
Natural do Recife, do Valle tocará choro, bossa nova e MPB, com ‘Um Tom para Jobim’ (Sivuca), ‘Murmurando’ (Fon Fon), ‘Lamento’ (Pixinguinha), ‘Saxofone, Por Que Choras?’ (Abel Ferreira, o ‘Ratinho’), ‘Pedacinho do Céu’ (Waldir Azevedo) e Bebé de Natércio (‘Navegando’).
 
Com 35 anos de carreira, Roberto do Valle toca piano, violino, violoncelo, violão clássico e bandolim. Participou de numerosos festivais, concertos e oficinas pelo Brasil e chegou a tocar ao lado do ídolo Sivuca, Canhoto da Paraíba e do maestro Spok. Gravou oito álbuns com participações. Agora, prepara-se para gravar o primeiro álbum-solo, ao estilo de standards do jazz. Nesta apresentação, do Valle tocará bandolim, ao lado de Júnior do Cavaco (também no violão) e Alisson Cavalcanti (pandeiro).
 
Beto Malloca – Beto Malloca retorna ao Sabadinho Bom para encantar o público com um repertório de sucessos do samba nacional, como Cartola, Noel Rosa, Dorival Caymmi, Chico Buarque, Arlindo Cruz, Paulinho da Viola, Zeca Pagodinho, Clara Nunes e João Nogueira.
 
Carioca de Nilópolis, “mas paraibano de coração há dez anos”, Malloca é um apaixonado declarado pelo Centro Histórico, onde defende a manutenção de projetos musicais que agreguem valor à sua riqueza patrimonial e histórica.
 
Neste intento, fundou o projeto Casa de Bamba, apresentando-se com frequência com o Clube do Samba, do qual já saiu. Em 2013, tocou com a velha guarda da Portela, a sua escola de coração, e ao lado do sambista Diogo Nogueira, em Madureira.
 
O evento, que acontece das 11h30 às 16h, é uma promoção da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da sua Fundação Cultural (Funjope).


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.