Cultura

Eliane e Assisão animam 4ª eliminatória do Forró Fest, em Guarabira

Evento acontece a partir das 22h na Praça do Novo Milênio. É a penúltima eliminatória do festival na maior cidade do Brejo paraibano.



Divulgação
Divulgação

Tiago Germano
Do Jornal da Paraíba

A 23ª edição do ‘Forró Fest’ promove, em Guarabira, um encontro aumentativo: é que Assisão abre neste sábado (18), a partir das 22h, na Praça do Novo Milênio, a penúltima eliminatória do festival na maior cidade do Brejo paraibano.

O encontro também será majestoso: é que Eliane, que ostentou seu título de Rainha do Forró também no Conde, na primeira fase do concurso, volta hoje a apresentar seu ‘forró popular brasileiro’ em Guarabira, a famosa ‘Rainha do Brejo’ – ponto de parada da caravana do ‘Forró Fest’ antes da grande final, em Campina Grande.

A terra de Frei Damião vai receber mais 12 artistas que concorrem ao prêmio de melhor intérprete, cantando músicas que darão aos seus compositores a chance de abrir uma janela para os seus trabalhos e dar o pontapé inicial em suas carreiras.

Músicas selecionadas

1. Meu Pé de Serra Ninguém Vai Modificar (Antonio Ferreira da Silva/Kleyton)
2. A Terra Tremeu (Eliane Ribeiro))
3. Eco 92 (José Ferreira da Silva)
4. Carência de Cheiro (Galego do Pajeú)
5. O Remédio é Sanfona (Manoel Cabral Neto)
6. Forró Pra Todo Mundo (José Roberto do Amaral)
7. Retrato da Saudade (Ademar de Melo Santana/Ribamildo Bezerra De Lima)
8. Eu Amo a Minha Terra (Edilson Fernandes Araújo)
9. Flor do Campo (Taynana de Freitas Barreto)
10. Paraiba, Terra Que Sabe Acolher (José Carlos Targino Filho)
11. O Sertão Sorria (Dudé das Aroeiras)
12. Espelho do Cangaço (Roosevlt Fernandes da Silva)

Segundo o coordenador do evento, Paulo Pena, o ‘Forró Fest’ tem registrado um balanço positivo até o momento, com presença maciça do público e uma boa acolhida das canções apresentadas em cada noite.

“O festival tem avançado muito bem, com o público comparecendo e dando ao evento a mesma dimensão já acompanhada em outros anos. Com destaque para a cidade de Monteiro, onde pudemos registrar uma frequência maior que a do ano passado; Monteiro, que pela primeira vez colocou mais de 12 mil pessoas em praça pública para acompanhar as músicas selecionadas”, afirma Pena.

Sobre a qualidade dos trabalhos inscritos no ‘Forró Fest’, Paulo Pena comenta que houve uma sensível diferença no que se refere à temática que inspirou os compositores este ano. Além dos forrós românticos, que costumam ter largo espaço na disputa, aumentou o número de letras que tratam de questões como a transposição do Rio São Francisco. “Antes se falava muito em seca. Mas agora a transposição, que parece ser uma preocupação atual do nordestino, está sendo abordada em muitos forrós”, indica o coordenador da competição.

E os três vencedores da peleja musical em Guarabira podem se preparar para a finalíssima de Campina Grande, que ocorre na programação do ‘Maior São João do Mundo’, dia 25 de junho. No Parque do Povo, mais nove participantes oriundos de Monteiro, Conde e Sousa brigam pelos prêmios de R$ 3 mil para cantor mais bem cotado e motocicletas para as três músicas mais bem colocadas. “A final já está com tudo. Já viajei a Campina Grande para acertar todos os preparativos para a estrutura de palco e camarotes”, conclui Paulo Pena.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.