Cultura

Cópia ou inspiração? Veja lista de casos famosos de plágio no mundo da música

Led Zeppelin escapou da acusação de ter copiando o clássico ‘Starway To Heaven’.




Nesta semana, terminou uma batalha judicial sobre o suposto plágio de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos: Led Zeppelin. O grupo de Jimmy Page e Robert Plant estava sendo acusado de ter copiado parte do clássico ‘Stairway To Heaven’ de uma música do grupo americano Spirit.

Um tribunal de apelação dos Estados unidos restituiu uma decisão favorável ao Led Zeppelin, de 2016, que não encontrou evidência de violação dos direitos autorais. Esse entendimento tinha sido anulado em 2018. Em uma das fases do processo, Jmmy Page chegou a dizer que o trecho parecido entre as canções se limitava “ a uma escala cromática descendente de tons”, que eram populares no mundo da música.

 

Pegando o gancho do caso do Led Zeppelin, fizemos uma lista de outros casos de plágios comprovados e de músicas que são, digamos, bem semelhantes. As situações envolvem músicas nacionais e internacionais.

>> Ouça a coluna Cultura Pop no site da CBN Paraíba

Confira a lista

1- Vanessa da Mata x Zezé Di Camargo & Luciano

Vamos começar com um caso envolvendo o cenário nacional. Em 2014, a dupla Zezé Di Camargo e Luciano lançou a música ‘Flores em Vida’. A canção foi apontada como um plágio de ‘Boa Sorte’, de Vanessa da Mata, que tinha lançada em 2007. ‘Flores em Vida’ teve o repasse de direitos autorais suspensos pela ECAD para que a Justiça analisasse a coincidência.

2 – Legião Urbana x Ramones

Agora vamos a um caso de brasileiros copiando gringos. Uma das maiores bandas de rock da história do país, a Legião Urbana tem um caso explícito de plágio. ‘Que país é esse?’ é uma cópia de ‘I don’t care’, dos Ramones.

Dizem que Renato Russo foi questionado sobre isso e respondeu ‘Eu não ligo’, que é exatamente a tradução para ‘I don’t care’ . Mas tarde ele afirmou que tinha se inspirado em Ramones, mas é um pouco mais que isso. A situação não gerou demandas judiciais.

 

3 – Jorge Ben Jor x Rod Stewart

Também temos casos de gringos copinado brasileiros. Um deles é histórico: o plágio de ‘Taj Mahal’, de Jorge Ben Jor, que virou ‘Da Ya Think I’m Sexy?’, de Rod Stewart. Ao ouvir a música do cantor inglês, Ben Jor percebeu a semelhança e processou Stewart, que inicialmente negou o plágio. Mais tarde ele acabaria reconhecendo a cópia e teve que atribuir a coautoria ao brasileiro.

Em sua autobiografia, lançada em 2012, Stewart disse que passou o Carnaval no Rio de Janeiro em 1978 e em todo lugar tocava ‘Taj Mahal’. Segundo ele, a melodia ficou na cabeça e ele acabou usando. Ele chamou a situação de “plágio inconsciente”.

4- Angra x Parangolé

A música brasileira também tem um caso ‘exôtico’ de plágio. Em 2011, a banda de metal Angra acusou o grupo de pagode baiano Parangolé de copiar um trecho da música ‘Nova Era’. O riff foi usado pelos baianos em ‘Asevixe’. A cópia acabou sendo confirmada pela produção musical do Parangolé.

(*Esse texto é uma versão da coluna Cultura Pop, da rádio CBN João Pessoa. A coluna vai ao ar todas as quintas-feiras)


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.