Cultura

Cinemas marcam estréia de “Romance do Vaqueiro Voador”

Nova produção do diretor paraibano Manfredo Caldas conta com performance de Luiz Carlos Vasconcelos e narra a história dos candangos na construção de Brasília.



Divulgação
Divulgação
Luiz Carlos Vasconcelos atua em cenas fictícias do documentário.

Da Redação
Com informações da Ascom/UEPB

João Pessoa e Campina Grande vão ganhar exibições especiais do filme “Romance do Vaqueiro Voador”, documentário dirigido por Manfredo Caldas, com a participação do ator Luiz Carlos Vasconcelos como protagonista, ambos paraibanos. A produção, baseada no poema homônimo de João Bosco Bezerra Bonfim, narra de forma poética o papel do trabalhador nordestino na construção de Brasília.

O documentário, um longa-metragem de 71 minutos de duração, apresenta cenas de ficção e encenações poéticas. Na Capital, quem quiser assistir ao filme em primeira mão, poderá conferir a sessão da próxima quinta-feira (31), às 20h30, no Cine Multiplex 5, no MAG Shopping. A exibição em Campina Grande acontece no dia 2 de agosto, às 10h, no Cine Multiplex do Shopping Iguatemi.

A idealização do projeto, além de produção e direção do filme, ficou sob a responsabilidade de Manfredo Dantas, integrante do movimento do cinema paraibano dos anos 60, que ministrou aulas de montagem e edição na Escuela Internacional de Cine y Television, em Cuba, e já produziu vários documentários premiados.

Também fizeram parte da equipe do filme o roteirista Sérgio Moriconi, jornalista, cineasta e professor de cinema formado pela Universidade de Brasília, que é autor, em parceria com Manfredo Dantas, do roteiro do longa-metragem.

"Romance do Vaqueiro Voador" já foi premiado antes mesmo de ser finalizado, quando seu projeto participou da Seleção para Apoio a Filmes de Longa-metragem no Programa Petrobrás Cultural, no ano de 2005, onde foi selecionado entre os mais de 3.300 concorrentes, sendo contemplado com um patrocínio no valor de R$ 600 mil.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.