Brasil

Falta de energia elétrica faz avicultor perder 20 mil aves no Paraná

Criadores sofrem frequentemente com a falta de luz em Juvinópolis. De acordo com a Copel, desta vez o problema foi causado por um rato.




Do G1

O distrito de Juvinópolis, em Cascavel, oeste do Paraná, sofre frequentemente com a falta de energia elétrica. Na terça-feira (08), mais uma vez, os produtores rurais da região ficaram sem luz e teve avicultor que perdeu 20 mil aves.

Foram nove horas sem energia elétrica. Foi um sufoco para os moradores de Juvinópolis, distrito de Cascavel, que vive da agricultura. A unidade de recebimento de grãos da cooperativa ficou sem receber os grãos.

O problema é comum e acontece quase uma vez por mês. Os moradores já fizeram um abaixo assinado para a companhia de energia, mas não houve solução. Desta vez, de acordo com a Copel, o problema foi um rato que subiu no poste e danificou uma peça.

Mas o maior prejuízo ficou para o criador Juarez Dassoler. O dono de aviários entrou em desespero quando chegou ao sítio. Sem energia, os frangos ficaram sem água, sem comida e sem ventilação. Vinte mil aves morreram e houve um prejuízo de R$ 50 mil de prejuízo.

Por pouco, o estrago não foi ainda maior. No sítio há 11 barracões com um total de 300 mil frangos. A maioria havia sido retirada do lugar e levada para o frigorífico alguns dias antes da queda de energia.

Os funcionários, que passariam o dia carregando as aves prontas para o abate, tiveram de recolher os frangos mortos. "Nove horas sem luz não tem jeito”, disse Dassoler.

Quem teve prejuízo pode consultar em órgãos de defesa do consumidor, como por exemplo o Procon, se tem direito à indenização pelas perdas.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.