Brasil

Exército prende sargento gay em São Paulo

Justiça Militar mandou prender o oficial pelo crime de deserção.Ele foi detido após dar entrevista a emissora de TV.




Do G1

O sargento do Exército Laci Marinho de Araújo foi preso na noite de terça-feira (3) pelo crime de deserção, segundo confirmou a assessoria de imprensa do Comando do Exército. A ordem de prisão foi expedida pela Justiça Militar.

Em entrevista à Revista Época, ele assumiu ser gay. Laci e seu companheiro, o também militar Fernando Alcântara de Figueiredo, têm uma relação estável há mais de dez anos.

O sargento Laci de Araújo passou mais de oito dias seguidos sem comparecer ao trabalho, o que caracteriza crime militar de deserção.

O oficial foi detido após conceder entrevista ao vivo a uma emissora de televisão de São Paulo. De acordo com a reportagem do SPTV, oficiais do Exército cercaram a sede da emissora de TV na noite de terça-feira. Após negociações, às 4h, o sargento saiu, acompanhado do parceiro, e foi levado pelo Exército.

Segundo o Comando do Exército, a homossexualidade do sargento não tem relação com a prisão. O Exército informou que se pronunciará sobre a prisão por meio de nota.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.