Vida Urbana

Vigia e estudante são mortos na Grande JP

Homicídios aconteceram na Região Metropolitana de João Pessoa em um período de pouco mais de duas horas.




Em um período de pouco mais de duas horas, dois homens foram assassinados na Região Metropolitana de João Pessoa durante a noite da última quarta-feira. O primeiro homicídio ocorreu por volta das 18h48, no bairro Tibiri II, em Santa Rita. De acordo com o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), o vigilante Luiz Antônio Gomes Pereira, mais conhecido por ‘Lobão’, de 50 anos, foi executado a tiros.

Conforme a Polícia Militar, dois homens que estavam em uma motocicleta foram os responsáveis pelo assassinato. Quatro tiros atingiram o vigilante, no ombro, costas, peito e orelha. A polícia ainda não sabe o que pode ter motivado o assassinato e não possui pistas sobre os autores do crime, que é investigado pelo Núcleo de Homicídios de Santa Rita.

Um outro assassinato ocorreu por volta das 21h19 em frente a uma escola pública, no Jardim São Severino, em Bayeux. Paulo Vicente da Silva, de 20 anos, havia decidido não assistir aulas e ficou conversando na frente do prédio. Dois homens em uma moto passaram pelo local e dispararam vários tiros contra o rapaz.

Ferido por três tiros, Paulo Vicente foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos. A Polícia Militar chegou a prender dois suspeitos de praticar o assassinato, mas eles foram liberados após prestar esclarecimentos na 6ª Delegacia Distrital. A Polícia Civil alegou que não havia testemunhas ou algum material que os incriminasse.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.