Vida Urbana

Veja as opções de lazer para o feriado da Proclamação da República em JP

Além de praias, áreas verdes, igrejas, parques, há eventos culturais pagos e gratuitos na cidade.




Com previsão de sol, as praias da capital são opção de lazer para o feriadão da República. Foto: Francisco França

Quem busca opção de lazer no feriado da Proclamação da República, comemorado nesta sexta-feira (15), João Pessoa  e Campina Grande oferecem diversas opções de lazer e entretenimento para aproveitar a folga, que será prolongada pelo fim de semana. Além de praias, áreas verdes, igrejas, parques, há eventos culturais pagos e gratuitos nas cidades, para crianças e adultos.

>> Confira o que abre e fecha no feriado da República

Em João Pessoa

Parques

Para quem gosta de um maior contato com a natureza, o Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica) é uma opção, mesmo ainda em obras. O Parque está situado numa área central da cidade, no bairro do Róger, com fácil acesso e dispõe de áreas para piqueniques, brincadeiras e caminhadas. O ingresso custa R$ 2, por pessoa, porém, crianças com até sete anos e idosos não pagam.

Outro opção de parque é o Jardim Botânico Benjamin Maranhão, na Mata do Buraquinho, no bairro da Torre. O local é considerado um dos maiores remanescentes de Mata Atlântica natural em área urbana do Brasil. O horário da visitação é de terça à sábado das 8h às 16h30. Com os portões sendo fechados às 15h30. Para as atividades de trilha é obrigatório o uso de calças compridas e sapatos fechados.

Praia

Bem próximo da praia, no bairro do Altiplano, outra opção é visitar a Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. Além de ser um dos pontos turísticos mais imponentes de João Pessoa, conhecido por sua beleza arquitetônica, assinada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, lá o visitante poderá encontrar exposições de fotografia, pintura e arte. A entrada é gratuita.

Já quem prefere um banho de mar, as praias da orla são excelentes escolhas para aproveitar com os amigos e família. A previsão do tempo na Paraíba para este feriadão, de sexta-feira (15) a domingo (17), é de sol e poucas nuvens, variando 24°C a 31°C, no Litoral, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa).

>> Confira mais opções na Agenda Cultural 

Centro Histórico

Igrejas como Mosteiro de São Bento e São Francisco, localizadas no Centro Histórico, ambos com arquiteturas barrocas, proporcionam momentos espirituais inesquecíveis. Para quem busca conhecer mais da história de João Pessoa, a Casa da Pólvora e o Hotel Globo, é uma excelente escolha.

No coração da cidade, o Parque da Lagoa Solon de Lucena conta com 12 praças, ciclovia, pista de cooper, pista de skate com padrão internacional, área para esportes radicais, com slackline e parede de escalada e é um ótimo local para levar a criançada. Além disso, recebeu um deck harmonizado com o Cassino da Lagoa, 35 mil metros quadrados de passeios pavimentados e ligados às quatro entradas do parque e 14 quiosques divididos em sete baterias, todas com banheiros públicos.

Mostra Walfredo Rodrigues

A segunda edição da Mostra de Cinema Walfredo Rodriguez, que começou nesta quinta-feira (14), com a exibição do documentário “Jackson: Na Batida do Pandeiro”, de Marcus Vilar e Cacá Teixeira, segue até o domingo com extensa programação.

A programação desta sexta-feira conta atividades no Hotel Globo – Painel “Coproduções e Oportunidades Internacionais”, das 9h às 12h, e curso “Como Apresentar Você e o Seu Projeto no Mercado”, das 14h às 17h. No Ponto de Cém Reis serão exibidos o curta ‘A Ética das Hienas’, às 19h30, e o longa ‘Ambiente Familiar’, às 20h. Haverá também uma sessão paralela dos dois filmes no Centro Cultural Mangabeira.

Ao todo, serão exibidos 18 filmes, a maioria produzidos com recursos do Edital Walfredo Rodriguez, e também filmes convidados, como “Sob o Céu Nordestino” e “Pacarrete”, este último de Alan Debertone que conquistou vários prêmios no Festival de Cinema de Gramado, incluindo Melhor Atriz para Marcélia Cartaxo –, e os curtas-metragens do projeto “Cinemando nas Escolas” (realizado pela Funjope) e da Escola de Cinema do Sertão.

Animacentro

Funciona em nove pólos distintos: o Parque da Lagoa, a Praça da Independência, o Hotel Globo, Parque da Bica, Villa Sanhauá, a Casa da Pólvora e o Centro Cultural Pavilhão do Chá, além do Casarão 34, com o fortalecimento de atividades já permanentes como o Sabadinho Bom. Entre os eventos culturais, destaque para concertos, apresentações de teatro, de dança e de circo, lançamentos de livro, recitais e exposições.

Monumento Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga Campina Grande (Foto: Leonardo Silva/Arquivo)

Monumento Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga Campina Grande (Foto: Leonardo Silva/Arquivo)

 

Em Campina Grande

 

Açude Velho

Principal ponto turístico de Campina Grande, o Açude Velho oferta várias opções de lazer, para todos os públicos, como o Museu de Arte Popular da Paraíba e o Monumento Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga, dois cartões postais da cidade, além dos restaurantes que ficam ao redor do Açude.

O Museu de Arte Popular da Paraíba, mais conhecido como Museu dos Três Pandeiros, tem assinatura do arquiteto Oscar Niemeyer e é uma ótima opção de lazer em Campina Grande. O monumento arquitetônico esta localizado às margens do Açude Velho, que completa o passeio com uma boa caminhada.

Parque da Criança

Localizado na Avenida Dr. Elpídio de Almeida, o Parque da Criança dispõe de quadras de tênis, basquete, vôlei, campo de areia, pistas de corrida, bicicross e de skate, além de equipamentos de academia. Ainda há a opção de aulas de dança em uma tenda e quiosques já montados para grupos que desejam fazer um piquenique. A entrada é gratuita, mas é proibido levar animais e bicicletas para adultos.

Vila do Artesão

Aberta o ano inteiro e não apenas durante o mês de junho, a Vila do Artesão, na Avenida Almeida Barreto, bairro São José, funciona de segunda a sábado, das 10h às 18h, com entrada gratuita. São 77 chalés com exposições de 300 artesãos. Os visitantes ainda têm opção de quatro restaurantes e lanchonetes que funcionam no local.

Pioneiros da Borborema

O Monumento é um ponto turístico bastante visitado em Campina Grande e representa o Índio, a Catadora de Algodão e o Tropeiro, e também fica às margens do Açude Velho, e do lado do Parque da Criança.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.