Vida Urbana

Vacinação contra gripe atinge 89,2% do público-alvo na PB

Informação foi divulgada por meio de um balanço feito pelo Ministério da Saúde. No total, a campanha atingiu 95,5% de cobertura em todo o país.




Na Paraíba, 761.104 pessoas foram vacinadas contra a influenza neste ano, o que representa 89,2% do público-alvo da campanha, composto por 853.196 pessoas. A informação foi divulgada em um balanço feito pelo Ministério da Saúde. No total, a iniciativa atingiu 95,5% de cobertura em todo o país.

O público-alvo é formado por crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

As pessoas deste último grupo são mais vulneráveis a desenvolver a forma grave da doença. As crianças que tomaram a vacina pela primeira vez neste ano devem retornar aos postos de saúde para aplicação da 2ª dose até o dia 20 de junho.

"A vacina é segura e é a principal arma para a gente reduzir as complicações, casos graves e óbitos decorrentes da gripe, assim como evita contaminar as pessoas que convivem conosco e que podem ser suscetíveis a complicações”, alertou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde, Carla Domingues.

A definição dos grupos prioritários segue a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), além de ser respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Casos da doença
Neste ano, até 30 de maio, foram registrados 18 casos de influenza A (H1N1), com 9 óbitos pela doença na Paraíba. Os dados constam no Boletim Epidemiológico de Influenza do Ministério da Saúde. Já em todo o país, foram 3.978 casos de H1N1, sendo 764 óbitos, com registro de um caso importado (o vírus foi contraído em outro país).  


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.