Vida Urbana

Tempo de espera é pequeno

Média de espera entre a marcação e a realização da cirurgia de catarata, é de aproximadamente 15 dias.




A aposentada Neci Rodrigues, 70 anos, que reside no município Brejo do Cruz, situado no Sertão paraibano, descobriu que sofria de catarata recentemente. Neci fez a cirurgia no olho direito há aproximadamente um mês e há 15 dias fez o mesmo procedimento no olho esquerdo, ambos realizados pelo SUS no Hospital Edson Ramalho. “Eu ficava com vergonha porque passava pelos meus amigos e não os reconhecia mais por conta da visão embaçada. Agora, depois da cirurgia vejo bem demais, tudo clareou para mim”, relatou.

Já Maria das Neves, 87 anos, mora em João Pessoa e disse que descobriu a doença há três anos quando percebeu que já não enxergava letras menores e a visão estava cinzenta, então procurou o médico. Ela passou pelo procedimento cirúrgico que durou em média meia hora, em seguida recebeu alta e foi para casa. “Eu gostava de olhar a rua do portão de casa, mas a claridade me incomodava e eu via tudo cinzento. Agora já me sinto melhor, já estou enxergando bem”, afirmou.

Maria das Neves esperou por 15 dias, entre a marcação da cirurgia e o dia do procedimento. Ela disse que chegou ao Edson Ramalho com os exames em mãos, prontamente foi atendida e então, marcada a cirurgia.

Segundo o membro da Comissão de Oftalmologia do Hospital Edson Ramalho, Alecsandro Antônio, não há inconstância no atendimento e o serviço abrange pessoas encaminhadas por outros municípios credenciados pelo SUS para o atendimento no Edson Ramalho. “Nosso atendimento está acontecendo normalmente, é tanto que atendemos pacientes de outros municípios. Hoje, existe uma média entre dez e 12 cirurgias realizadas por semana, aqui no hospital”, ressaltou.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.