Vida Urbana

Segundo dia do Enem ocorre neste domingo para 140 mil candidatos na Paraíba

Na Paraíba, mais de 140 mil se submeterão ao teste de matemática e ciências. 




Neste domingo (12), acontece o segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017. Desta vez, os candidatos vão resolver questões de matemática e ciências da natureza. O horário de abertura dos portões será às 11h (meio-dia no horário de Brasília). Na Paraíba, mais de 140 mil candidatos deverão fazer a prova. 

Este é o primeiro ano que o Enem é realizado em dois domingos consecutivos. Até o ano passado, as provas eram realizadas em um único fim de semana – sábado e domingo.

Assim como no domingo anterior, haverá reforços nas linhas de ônibus de João Pessoa e Campina Grande. Em João Pessoa, 37 linhas de ônibus vão ser reforçadas com 47 veículos a mais circulando em relação à frota tradicional de domingo. A partir das 9h e, até as 10h, cada linha fará uma viagem extra.

A ciclofaixa de lazer da Avenida Epitácio Pessoa, por exemplo, vai ser suspensa excepcionalmente. A decisão foi da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob).

Ainda para facilitar a fluxo de veículos e evitar que pedestres andem nas vias, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) proibiu a instalação de tendas na calçada da Faculdade Internacional da Paraíba (FPB), na Avenida Monsenhor Walfredo Leal — Centro de João Pessoa — e na calçada da Faculdade Maurício de Nassau, na Avenida Epitácio Pessoa, Bairro dos Estados.

Já em Campina Grande, a frota vai circular como em um dia útil, com todas as frotas completas das 10h às 13h e das 16h30 às 18h30, horários considerados de maior movimento para as provas. OS dados são da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP).

Faltosos

No último domingo, a Paraíba registrou o segundo menor índice de abstenções no primeiro dia do Enem 2017. De acordo com dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), dos 189.152 candidatos inscritos na Paraíba, 48.991 não compareceram aos locais de prova, o que representa 25,90%. Segundo o INEP, a taxa de abstenção registrada na Paraíba só é menor que a do estado do Piauí, que teve 25,30%.

O que levar

É obrigatório ter uma caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente. Qualquer outro tipo de material ou cor de caneta é proibido e desclassifica o candidato. Além disso, é necessário portar um documento oficial de identificação original com foto. Dentre os documentos aceitos estão:

– Passaporte
– Cédula de identidade (RG)
– Certificado de Reservista
– Carteira Nacional de Habilitação
– Certificado Dispensa de Incorporação
– Carteira de Trabalho e Previdência Social
– Identidade Funcional em consonância com Decreto 5.703/06
– Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classe
– Identidade para estrangeiros expedida pelo Ministério da Justiça
– Caso você tenha perdido ou teve o documento roubado, será necessário apresentar um Boletim de Ocorrência expedido por órgão policial há, no máximo, 90 dias do primeiro domingo de aplicação. É aconselhável levar o Cartão de Confirmação de Inscrição.

Proibido

Alguns materiais não podem estar na sala de avaliação durante a aplicação do exame. São ele: lápis; chaves; livros; manuais; borracha; anotações; boné; chapéu; viseira; gorro ou similares; fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens; impressos; lapiseira; óculos escuros; caneta de material não transparente; dispositivos eletrônicos.  


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.