Vida Urbana

Recicladores se reúnem com o prefeito e pedem construção de galpão

Gestor de Cajazeiras vai definir área para atender associação.



Divulgação
Divulgação
Prefeito José Aldemir promete atender associação que representa 300 catadores de recicláveis

Trabalhadores em material reciclado, membros e associados da ASCAMARC (Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Cajazeiras) se reuniram nesta quarta-feira (8) no auditório do Centro Administrativo Municipal com o intuito de expor os problemas enfrentados por eles e, em contrapartida, pedir ao chefe do executivo municipal tomada de providências para a construção de um galpão.

Na oportunidade, a Secretária-Executiva de Meio Ambiente “Branquinha Abreu” apresentou proposta de lançar o projeto “Acordo Limpo”, que consiste na consientização e manejo sustentável dos resíduos domésticos e de estabelecimentos comercias, iniciando o processo de coleta seleta, proporcionando melhoria e qualidade de vida aos catadores de materiais recicláveis.

Foi reivindicado pelos catadores da associação e demais recicladores a construção de um galpão capaz de abrigar o material coletado. Atualmente, a associação possui um galpão, porém, o espaço é pequeno. Segundo informou um dos catadores, foi doado à ASCAMARC um terreno pela Prefeitura de Cajazeiras, mas o local não é adequado para a construção do galpão, pois, um parecer da Secretaria de Planejamento aponta que a localização fica ao lado da Escola Técnica Estadual e vizinho ao condomínio de idosos, o Cidade Madura.

O prefeito José Aldemir determinou que a Secretária-Executiva de Meio Ambiente, Maria das Dores “Branquinha Abreu”, juntamente com o Secretário de Planejamento, Antônio Ricardo, localizasse outra área adequada para a construção do referido galpão.

O presidente da ASCAMARC, Leandro, afirmou que esta é uma luta antiga dos catadores, para conseguir uma estrutura adequada que beneficie os trabalhadores.

De acordo com dados obtidos em parceria com a Secretaria Executiva de Meio Ambiente, existe em Cajazeiras, cerca de 300 catadores de recicláveis. A secretária do Desenvolvimento Humano, professora Gerlane Moura, esteve presente a reunião e se dispôs a colaborar no que for necessário. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.