Vida Urbana

Quarenta mil litros de soda cáustica vazam nas águas do Rio Gramame, diz prefeitura

Vazamento surgiu na estação de tratamento da Cagepa na cidade do Conde.




Foto: Hebert Araújo/TV Cabo Branco

Cerca de 40 mil litros de soda cáustica vazaram no Rio Gramame, em João Pessoa, por volta das 12h desta sexta-feira (9). Segundo a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) da prefeitura da capital, o vazamento surgiu na Estação de Tatamento da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), localizada na cidade do Conde.

De acordo com a Cagepa, está descartada qualquer possibilidade de contaminação. A quantidade do produto despejado no rio não é suficiente para causar danos ao meio ambiente e a água distribuída pelo órgão a partir da Estação de Tratamento de Gramame não foi afetada com o vazamento do equipamento.

Segundo o químico da Cagepa, Guilherme Brandão, análises realizadas há 2km do vazamento resultou em um Ph neutralizado, sem resquícios sérios do material que entrou em contato com a água. O órgão já adotou os procedimentos administrativos para responsabilizar a empresa que forneceu o tanque, tendo em vista que o equipamento foi adquirido há cerca de 5 anos.

Até ser divulgado o aviso de normalização das águas do rio, a Defesa Civil pede que os moradores evitem o uso da água para banho e consumo. “Caso a soda cáustica entre em contato com o corpo, ela pode causar queimaduras leves ou até 3º grau. O mais provável é que ocorra morte de peixes”, afirma o coordenador da Defesa Civil, Noé Estrela.

Em nota, a Prefeitura de Conde, alertou aos moradores das comunidades próximas ao Rio Gramame, pedindo que eles evitem qualquer tipo de contado com as águas. A Guarda Municipal também foi acionada para alertar a população ribeirinha e orientar a saída de pessoas que estivessem realizado alguma atividade nas águas do rio.

A Secretaria de Meio Ambiente do Município do Conde inicia nesta sábado (10) o monitoramento da qualidade da água.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.