Vida Urbana

Preço do gás de cozinha pode variar até R$ 10 em estabelecimentos de CG

O Procon encontrou botijões de gás de cozinha de R$63 a R$73 em 27 estabelecimentos visitados.




O Relatório da Pesquisa de Preços da Água mineral e do Gás de Cozinha para agosto, produzido pelo Procon de Campina Grande divulgado nesta segunda-feira (26), mostrou que o preço do botijão de gás de cozinha de 13 quilos, em 27 estabelecimentos comerciais visitados, varia de R$ 63 a R$ 73. 

A pesquisa foi realizada na última quinta-feira (22) pelos fiscais do Fundo Municipal de Defesa dos Direitos Difuso em parceria com o Departamento de Estatística da Universidade Estadual da Paraíba. Ela também mostrou que o preço do gás de cozinha à vista é de, em média, R$ 68,08. Em comparação com o mês passado, quando o preço encontrado foi de R$68,38, é possível observar uma redução de R$ 1,30 (1,91%).

O Procon municipal ainda pesquisou o preço da água mineral em Campina Grande. O valor de quatro marcas foi consultado, e destas, o galão, com capacidade para receber 20 litros de água mineral mais caro custa em média R$ 8,79.

No último dia 15, o Procon divulgou uma pesquisa que apontou uma redução de 4,03%, o equivalente à R$ 22,32, no valor da cesta básica campinense. Na pesquisa divulgada hoje (26), dependendo da marca e do estabelecimento escolhido para a compra, o campinense pode economizar até R$ 10,00 na aquisição do gás de cozinha e R$ 2,00 na compra de água mineral. Veja o relatório na íntegra.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.