Vida Urbana

Preço do botijão de gás varia até R$ 10 em estabelecimentos de João Pessoa

Menor preço encontrado do produto foi de R$ 65.




O preço do botijão de gás de cozinha na Capital pode variar até R$ 10, conforme pesquisa realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) nesta segunda-feira (15). O menor preço do produto se manteve em R$ 65 e, o maior aumentou R$ 3, em relação à pesquisa do dia 12 de setembro, passando de R$ 72 para R$ 75.

O menor preço foi encontrado nos estabelecimentos Casa do Gás (Treze de Maio), SOS Gás (Torre) e Unigás (Geisel). A pesquisa visitou 19 estabelecimentos em 14 bairros de João Pessoa, levantando preços do produto das marcas Brasilgás, Liquigás, Supergasbras, Nacional Gás e Ultra Gás. Confira o levantamento completo.

Os pontos de revenda pesquisados foram: Depósito Pecorelli (Jaguaribe); Arlete Gás (Manaíra); Zé do Gás (Ilha do Bispo); Posto Bancários, Real Gás e Neto Gás (Bancários); Casa do Gás (Treze de Maio); Depósito D’Almir (Bairro dos Estados); Posto Expressão (Bessa); Brito Distribuidora (Expedicionários); Mercadinho Pedro Gondim (Pedro Gondim); Hugo Gás e Unigás (Geisel); SOS Gás (Torre); Depósito do Beto Gás (Monsenhor Magno); Gravatá Gás (Valentina I); Melhor Gás (Mangabeira I); Isaquiel Gás (Miramar); Ricardo Gás (Jaguaribe).

Água mineral

O Procon-JP levantou preços do galão de 20 litros de água mineral, que registrou queda de R$ 1,00 no menor preço, em relação à pesquisa de setembro, caindo de R$ 7,00 para R$ 6,00 (Depósito do Neto – Treze de Maio). O maior preço foi reduzido de R$ 10,50 para R$ 10,00. Veja a pesquisa completa.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.