Vida Urbana

Passagem de ônibus em João Pessoa sobe R$ 0,20 e vai custar R$ 4,15 para pagamento em dinheiro

Novos valores foram definidos na sexta-feira (24) e entram em vigor neste domingo.




Pelo segundo ano seguido foram definidas tarifas diferenciadas (Foto: Rizemberg Felipe/Arquivo)

O Conselho Municipal de Mobilidade Urbana de João Pessoa (CMU) definiu, nesta sexta-feira (24), um reajuste de R$ 0,20 no valor da passagem de ônibus. Com isso, a tarifa para quem utiliza o ‘Passe Legal’ vai de R$ 3,80 para R$ 4,00. Já para quem paga em dinheiro, pula de R$ 3,95 para R$ 4,15. Os novos valores entram em vigor a partir do domingo (26).

A reunião que definiu o reajuste aconteceu na sede da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) . Segundo a autarquia, o aumento teve por base a planilha de custos do transporte público, que recebe o impacto itens como combustível, peças, pneus, quilometragem percorrida pela frota, além da previsão de reajuste salarial dos operadores em 2020.

“O uso do cartão dá mais agilidade ao sistema de transporte, oferece mais segurança ao passageiro e fornece dados em tempo real sobre linhas e veículos. O desconto é uma forma de garantir que mais pessoas passem a optar pelo ‘Passe Legal’, uma tendência que vem se consolidando em várias capitais do país”, disse o superintendente executivo de Mobilidade Urbana, Adalberto Araújo, explicando as tarifas diferenciadas, implantadas pelo segundo ano seguidos

Durante a reunião, a Semob disse que 100% dos ônibus serão acessíveis até o final deste ano, beneficiando pessoas com deficiência motora. A previsão é de que novos veículos sejam incorporados à frota, cuja renovação ultrapassou a marca de 51% desde 2013.

De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP), os créditos já existentes nos cartões dos usuários do Passe Legal valerão pelos próximos 30 dias com o preço anterior da passagem. Segundo o Sintur-JP, a tarifa seria mais barata se não houvesse Imposto Sobre Serviço (ISS), pago ao município, e o ICMS sobre o óleo diesel.

Conselho de Mobilidade

Integram o Conselho a Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), o Sindicato dos Condutores de Veículos Rodoviários e Trabalhadores em Transportes Urbanos de Passageiros de João Pessoa, a Junta Governista do Sindicato dos Motoristas, o Sindicato de Transportes Urbanos de João Pessoa (Sintur), o Diretório Central dos Estudantes da UFPB (DCE/UFPB), o Conselho Universitário de Carteiras – CUC, representante universitário da rede privada, o Conselho Metropolitano de Carteiras de Estudantes – CMCE, além de representante secundarista das redes pública e privada.

Também participam membros da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) e das Secretarias de Planejamento (Seplan), Infraestrutura (Seinfra), Meio Ambiente (Semam) e de Educação e Cultura (Sedec), além do Orçamento Participativo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.